Em mercados / proventos

Com JCP "extra", remuneração de acionista da Itaúsa será 60% maior e yield chega a 4,4%

O pagamento dos dividendos adicionais será feito em duas parcelas: a primeira em 3 de março e a segunda em 6 de abril

Moedas
(Kamil Macniak)

SÃO PAULO - A Itaúsa (ITSA4) pagará JCP (Juros Sobre Capital Próprio) adicional de R$ 0,16780 por ação nos próximos dois meses. Terão direito ao provento os acionistas com o papel encarteirado na próxima segunda-feira (20). Os papéis ficam "ex" na terça-feira (21). 

Esse montante se soma aos JCPs já previstos referentes ao exercício de 2016, de R$ 0,27600 por papel. Dessa forma, a remuneração paga aos investidores da holding do Itaú será de R$ 0,44380. Com base na cotação de fechamento desta quarta-feira (15), de R$ 10,03, o dividend yield é de 4,42%. Esta relação mede a proporção da remuneração distribuída em relação ao valor atual do ativo.

O pagamento dos dividendos adicionais será feito em duas parcelas: a primeira, de R$ 0,04900 por ação, ocorrerá em 3 de março e a segunda, de R$ 0,118800 por papel, em 6 de abril. Os JCPs regulares serão pagos integralmente em 03 de março em relação à posição acionária do dia 22 de dezembro de 2016. Os papéis ficaram "ex" no dia 23 de dezembro.

 

Contato