Europa

Produção industrial da zona do euro tem forte queda em janeiro

Alemanha e França registraram contração da produção, mas os dados da Itália não foram fornecidos pela Eurostat

Close-up of the flag of France

BRUXELAS – A produção nas indústrias da zona do euro caiu mais do que o esperado no início de 2013 com recuos na França e Alemanha, no mais recente sinal de que o bloco está enfrentando dificuldades para sair da recessão.

A produção industrial nos 17 países que compartilham o euro recuou 0,4 por cento em janeiro ante dezembro, informou nesta quarta-feira (13) a agência de estatísticas Eurostat. Economistas consultados pela Reuters estimavam uma queda de 0,1 por cento.

A produção industrial, com dois terços dela gerados pela Alemanha, França e Itália, também recuou 1,3 por cento na comparação anual em janeiro, mostrando como os europeus estão comprando menos carros, televisões e outros bens industriais em um momento de desemprego recorde.

PUBLICIDADE

A fraqueza da produção industrial é um lembrete para os chefes de Estado da zona do euro que se reunião em Bruxelas na quinta-feira sobre quanto falta para garantir uma recuperação após três anos de uma devastadora crise da dívida pública.

A produção de maquinário para fazer outros bens, um indicador de negócios futuros, recuou 1,2 por cento em janeiro ante o mês anterior e a produção de bens duráveis, como carros e móveis, caiu 1,4 por cento no mesmo período.

Alemanha e França, duas maiores economias da zona do euro, registraram contração da produção, mas os dados para a Itália não foram fornecidos pela Eurostat.