Presidente do Fed pede cautela na regulamentação do mercado DeFi

Alguns formuladores de políticas públicas estão ansiosos para criar novas regras após o colapso da stablecoin TerraUSD

CoinDesk

Jerome Powell, presidente do Fed (Foto: Samuel Corum/Getty Images)

Publicidade

A regulamentação das finanças descentralizadas (DeFi) precisa ser feita “com cuidado e ponderação”, disse o presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA), Jerome Powell, em um evento organizado pelo banco central francês nesta terça-feira (27).

Para Powel, os formuladores de políticas públicas que estão ansiosos para impor regras após o colapso da stablecoin algoritmia TerraUSD (UST), que derrubou todo o mercado cripto no primeiro semestre, podem agir com mais cautela porque as finanças descentralizadas têm impacto limitado na economia real.

“O ‘inverno do DeFi’… não teve efeitos significativos no sistema bancário e na estabilidade financeira mais ampla” devido à falta de vínculos entre eles, disse ele em um painel.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

“Acho que isso demonstra as fraquezas e o trabalho que precisa ser feito em torno da regulamentação, com cuidado e ponderação, e nos dá um pouco de tempo”, falou, acrescentando que foram os banqueiros centrais que, à medida que os riscos de inflação começaram a se materializar, podem ter desencadeado inadvertidamente o colapso de muitos projetos DeFi.

“A normalização da política monetária que estamos vendo em todo o mundo revelou … problemas estruturais significativos no sistema DeFi e conflitos de interesse”, disse Powell. “Todas essas coisas foram reveladas agora que a maré baixou”, acrescentou.

Powell disse ser a favor da aplicação das regras das finanças convencionais a esse mercado, citando o mantra “mesmos riscos, mesma regulamentação”, e nos novos recursos da área, como a substituição de intermediários por código automatizado, a governança descentralizada e o uso de carteiras de criptomoedas privadas.

Continua depois da publicidade

Powell também sugeriu que não tem pressa em introduzir uma moeda digital do banco central (CBDC), uma forma digital de dinheiro público que está sendo considerada em várias jurisdições em todo o mundo.

“Não decidimos prosseguir e não nos vemos tomando essa decisão por algum tempo”, disse Powell. “Estamos avaliando as questões políticas e tecnológicas e fazendo isso com um escopo muito amplo”, acrescentou. Vale lembrar que a medida exige aprovação do Congresso e do Poder Executivo.

Suas observações seguem um discurso proferido por Mairead McGuinness, política irlandesa nomeada para atuar na Comissão Europeia, que pediu coordenação internacional na aplicação de novas regras para as criptomoedas e o DeFi.

“As finanças descentralizadas… desafiam alguns dos aspectos fundamentais do sistema financeiro como ele existe atualmente”, disse Mairead, que é responsável pelos serviços financeiros no braço executivo da União Europeia. “A Comissão [Europeia] está monitorando muito de perto os desenvolvimentos e os riscos nessa área em rápida evolução.”

Outros banqueiros centrais foram mais francos sobre seu ceticismo.

“Não vejo nenhum valor de resgate” nas criptomoedas, disse Ravi Menon, da Autoridade Monetária de Cingapura. “Chegou a hora do acerto de contas.”

Christine Lagarde, do Banco Central Europeu, disse que o colapso da stablecoin TerraUSD – cujo fundador, Do Kwon, entrou para a lista de procurador da Interpol – mostrou a necessidade de criar novas regras no setor.

Leia mais:

Desde que emergiu do sonho libertário impulsionado pelo fundador do Bitcoin (BTC), Satoshi Nakamoto, os criptoativos vêm sendo usados de forma indevida, disse Christine. “O senhor Do Kwon, que está fugindo, é o outro lado dessa moeda enigmática, e isso atesta (a necessidade) de regulamentação que foi defendida por Jay e Ravi.”

Kwon negou estar fugindo em um tuíte publicado na semana passada, dizendo que estava cooperando com as autoridades.

CoinDesk

CoinDesk é a plataforma de conteúdos e informações sobre criptomoedas mais influente do mundo, e agora parceira exclusiva do InfoMoney no Brasil: twitter.com/CoinDeskBrasil