Em mercados / politica

Políticos buscam inspiração em Oxford para discutir melhorias na gestão pública

"O mundo andou com a tecnologia e a máquina pública brasileira ficou na pré-história", disse o governador do Espírito Santo, Paulo Hartung

Bandeira Brasil
(Shutterstock)

"O mundo andou com a tecnologia e a máquina pública brasileira ficou na pré-história. Precisaríamos virar tudo de cabeça para baixo, mas como não podemos, porque temos questões mais emergenciais, viemos buscar inspiração."

O resumo foi feito ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, pelo governador do Espírito Santo, Paulo Hartung, mas reflete o interesse do grupo de pouco mais de 60 pessoas formado majoritariamente por políticos e servidores do Brasil que estão desde segunda-feira, 26, em Oxford, na Inglaterra, para discutir melhorias, principalmente, na área de gestão pública.

Esta é a terceira edição do evento organizado pela Fundação Lemann para debater o tema. O primeiro foi no ano passado, nos Estados Unidos, e o segundo no interior de São Paulo, em Indaiatuba, realizado em maio deste ano.

"O grupo é dinâmico, não é estanque, mas todos têm em comum o comprometimento com a melhora dos serviços públicos", explicou o gerente na Fundação Lemann, Weber Sutti. O grupo reúne sete governadores entre eleitos e em mandato.

A lista oficial de participantes não foi divulgada, mas seus organizadores garantem que boa parte dos partidos e todo o espectro ideológico foram representados.

Seja sócio das melhores empresas da Bolsa: abra uma conta na XP e conte com assessoria especializada e gratuita!

A imprensa não teve acesso às discussões, pois os organizadores queriam que os participantes ficassem à vontade. "Em período de polarização grande no Brasil, queríamos um ambiente seguro para os debates." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

 

Contato