Em mercados / politica

Maioria vê Alckmin como candidato com mais chance de aprovar reformas e lidar com Congresso

Segundo pesquisa XP/Ipespe, 50% dos entrevistados acreditam que o tucano manterá bom nível de interlocução com o Legislativo. Marina Silva lidera expectativas de diálogo com movimentos sociais

Geraldo Alckmin

SÃO PAULO - Recém-apoiado pelas lideranças do "Centrão", bloco partidário com 164 assentos na Câmara dos Deputados, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) é o pré-candidato à presidência com melhor perspectiva de bom relacionamento com o parlamento e condições para aprovar reformas econômicas, na avaliação dos eleitores. É o que mostra pesquisa realizada pelo Ipespe (Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas) entre 16 e 18 de junho, a nona por encomenda da XP Investimentos.

O levantamento também mostrou que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) mantém a dianteira da corrida presidencial nos cenários em que a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não é considerada. O parlamentar teria vantagem de pelo menos 8 pontos em relação ao adversário mais bem posicionado. Clique aqui para ver os detalhes.

Segundo a pesquisa, 50% dos entrevistados acreditam que o tucano manterá bom nível de interlocução com o Legislativo, ao passo que 36% não esperam que tal cenário se materialize. O segundo pré-candidato mais bem posicionado neste critério é o ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT), com a indicação de 45% dos entrevistados.

Na sequência, aparecem a ex-senadora Marina Silva (Rede), com 42%, e Bolsonaro, com 41%. Os dois também são os candidatos que apresentam o maior percentual de eleitores que não esperam bom relacionamento o parlamento: 45% cada. O nome que alimenta maior desconhecimento sobre este ponto é o senador Álvaro Dias (Podemos), com 32% de eleitores não respondendo ao questionamento. Veja os detalhes abaixo:

1) O candidato ... teria condições de manter boa relação com o Congresso?

xpipespe2007f

O levantamento também questionou os entrevistados sobre a perspectiva de aprovação de reformas econômicas. Sob este critério, Alckmin também lidera com indicações de 51%. Na sequência, aparecem Bolsonaro e Ciro Gomes, ambos com 43%. Marina Silva é a candidata apontada com menores condições de aprovar uma agenda de reformas econômicas. Veja os detalhes abaixo:

2) O candidato ... teria condições de aprovar reformas econômicas?

xpipespe2007g

Por fim, os eleitores também foram questionados sobre a capacidade de interlocução dos candidatos com movimentos sociais. Neste caso, Marina Silva lidera com folga, com 59% das indicações. Bolsonaro, por outro lado, lidera as apostas de incapacidade de lidar com este grupo, com indicações de 53%. Veja os detalhes abaixo: 

3) O candidato ... teria bom relacionamento com os movimentos sociais?

xpipespe2007h

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

Contato