Financiamento

Plataforma de NFT que roda na Solana levanta US$ 8 milhões em rodada de investimento

Protocolo Burnt Finance usará o capital para aumentar o número de funcionários e explorar novas parcerias

Por  CoinDesk -

O Burnt Finance, protocolo baseado na blockchain da Solana (SOL), levantou US$ 8 milhões em uma rodada de financiamento liderada pela Animoca Brands. O projeto também lançou sua plataforma de tokens não fungíveis (NFT, na sigla em inglês).

O capital será usado para contratar funcionários e explorar parcerias com artistas e outras iniciativas baseadas na Solana.

O Burnt Finance, conhecido por queimar uma obra de arte do artista de rua Banksy e depois vender uma versão digitalizada do item como NFT, também disse que lançou seu marketplace de tokens não fungíveis. O espaço virtual contará com leilões e permitirá que os usuários cunhem e vendam ativos digitais.

Outros investidores na rodada incluíram Alameda Research, Multicoin Capital, Valor Capital, Figment, Spartan Capital, HashKey, Terra (LUNA), Fantom (FTM) e outros.

A Alameda e a Multicoin, cabe lembrar, lideraram a rodada de financiamento de US$ 3 milhões do protocolo em maio do ano passado.

“Agora estamos procurando expandir para outras redes, como Terra e Fantom, enquanto criamos novas funcionalidades que unem os mundos das finanças descentralizadas (DeFi, na sigla em inglês) e dos NFTs”, disse a equipe da Burnt Finance, que insiste no anonimato, em um comunicado por e-mail.

Os participantes do projeto acreditam que a demanda por NFTs deve aumentar ainda mais. Dados do DappRadar mostram que o mercado de tokens não fungíveis atingiu US$ 22 bilhões em 2021.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receba a Newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe