Petroleiras

Petrobras (PETR4), PetroRecôncavo (RECV3) e 3R (RRRP3) seguem como compra pela XP

Relatório aponta potencial de valorização relevante às empresas mesmo com uma premissa conservadora de longo prazo para o Brent

Por  Equipe InfoMoney -

A equipe de research da XP atualizou as projeções das empresas de óleo e gás de sua cobertura e manteve recomendação de compra para Petrobras (PETR3;PETR4), PetroRecôncavo (RECV3) e 3R Petroleum (RRRP3).

Segundo o relatório, a preços de mercado atuais todas oferecem potencial de alta relevantes frente às estimativas de valor justo, mesmo com uma premissa conservadora de longo prazo para os preços do Brent e pontos particulares de atenção: políticos para a Petrobras; de aquisição da Bahia Terra pela PetroReconcavo; e de execução à 3R.

“Estamos otimistas com os preços de petróleo e gás no curto e médio prazo e, portanto, achamos que a melhor abordagem para executar essa aposta nas empresas brasileiras de petróleo e gás é por meio de uma estratégia de peso igual entre as três ações”, escreveram os analistas Andre Vidal e Thales Carmo.

Ações da Petrobras

Em relação à estatal, a XP escreve que, apesar do barulho político mais recente, a Petrobras tem sido até agora protegida de intervenções para subsidiar combustíveis como aconteceu no passado. “Embora reconheçamos os riscos, vemos a ação como uma aposta assimétrica, apoiada por um valuation descontado e grandes pagamentos de dividendos”, escreveram.

Dessa forma, a recomendação de compra foi mantida e o preço-alvo para as ADRs PBR e PBR.A elevados de US$ 18,40 para US$ 18,90 e para PETR3/PETR4 de R$ 47,80 para R$ 47,30. “A redução na conversão do preço em reais se dá pela redução na taxa esperada de câmbio do fechamento de 2022”, justificaram.

“Nosso preço-alvo é derivado de uma metodologia de fluxo de caixa para firma (“FCFF”) em US$ nominais descontado a um WACC de 13,1% (nosso custo de capital próprio considera um prêmio de risco político de 2%).”

PetroReconcavo

Conforme o relatório, o longo histórico de entregas em projetos de redesenvolvimento de campos maduros faz com que esta seja a ação de menor risco entre as empresas de O&G sob nossa cobertura.

A potencial aquisição de Bahia Terra pode trazer um aumento significativo para o nosso preço-alvo, de ~R$ 16/ação (não estamos incorporando este negócio em nosso preço-alvo porque ainda não foi assinado).

Assim, a XP manteve recomendação de Compra e elevou o preço alvo para as ações de RECV3 de R$ 31,10 para R$ 32,20. “Nosso preço-alvo é derivado de uma metodologia de FCFF em R$ nominais descontado a um WACC de 13,1%.”

3R Petroleum

Por fim, a 3R Petroleum publicou recentemente novos relatórios de certificação para vários polos (Macau, Fazenda Belém, Pescada & Arabaina, Reconcâvo e Rio Ventura) e também concluiu a aquisição do Polo Recôncavo – o que foi incorporado pelo modelo.

“A 3R construiu um portfólio impressionante de ativos nos últimos anos, com múltiplos de entrada muito baixos. Reconhecemos os riscos de execução do caso, mas consideramos excessivo o desconto de valuation atual”, escreveram.

Assim, a XP manteve a recomendação de Compra e elevou o preço-alvo para RRRP3 de R$ 76,70 para R$ 82,50. “Nosso preço-alvo é derivado de uma metodologia de FCFF em R$ nominais descontado a um WACC de 14,6%.”

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe