Valor total de R$ 63,1 bi

Petrobras conclui pagamento de R$ 34,191 bilhões de leilões da ANP

Segundo comunicado, R$ 28,7 bilhões foram referentes à segunda parcela do bônus de assinatura da área de Búzios, no pré-sal da bacia de Santos

arrow_forwardMais sobre
plataforma de petróleo da Petrobras
(Shutterstock)
Aprenda a investir na bolsa

A Petrobras (PETR3;PETR4) informou que concluiu hoje o pagamento de R$ 34,2 bilhões referentes à compra de blocos nas rodadas de licitações do governo brasileiro deste ano, tanto no leilão sob o regime de Concessão (17ª Rodada), como nas áreas do pré-sal, sob o regime de Partilha (6ª Rodada e Cessão Onerosa).

De acordo com o comunicado, R$ 28,7 bilhões foram referentes à segunda parcela do bônus de assinatura da área de Búzios, no pré-sal da bacia de Santos, e a totalidade do bônus de assinatura da área de Itaipu, na mesma bacia.

O valor total pago pelos dois ativos, adquiridos no leilão do excedente da Cessão Onerosa, foi de R$ 63,1 bilhões, informou a estatal.

Aprenda a investir na bolsa

Outro R$ 1,4 bilhão foi pago pelo bloco C-M-477, na bacia de Campos, adquirido na 16ª Rodada, e mais R$ 4,040 bilhões referentes ao bloco de Aram, arrematado na 6ª Rodada de Licitações sob o regime de Partilha.

A Petrobras prevê que os contratos dessas áreas serão assinados entre fevereiro e março de 2020.

Segundo a companhia, a participação seletiva nos leilões do governo em 2019 está alinhada à estratégia de longo prazo da companhia, com foco na exploração e produção de ativos de classe mundial.

Seja sócio das melhores empresas da Bolsa: abra uma conta na Clear com taxa ZERO para corretagem de ações