Ouro fecha em leve baixa, após ganhos robustos de ontem

Metal com entrega prevista para fevereiro de 2024 fechou em queda de 0,45%, a US$ 2.035,70 por onça-troy

Estadão Conteúdo

Publicidade

O preço do ouro fechou em baixa, em correção após os ganhos robustos de mais de 2% ontem. A queda ocorre em paralelo à alta do dólar e dos juros dos Treasuries, que pressiona a atratividade do metal precioso.

Na Comex, divisão para metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro com entrega prevista para fevereiro de 2024 fechou em queda de 0,45%, a US$ 2.035,70 por onça-troy.

O ouro passou boa parte do dia em alta e entrou em território positivo na reta final do pregão, acompanhando uma aceleração do dólar e dos retornos da renda fixa americana. Os movimentos aconteceram após o presidente da distrital do Federal Reserve (Fed) em Atlanta, Raphael Bostic, dizer esperar cortes de juros só no terceiro trimestre, ou seja, mais tarde do que o mercado atualmente precifica.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

No entanto, o contrato mais líquido da commodity subiu 1,05% no acumulado da semana, marcada pela decisão do Fed de manter juros e de falas do presidente da instituição, Jerome Powell, lidas como dovish pelo mercado. O ANZ prevê que o ouro “continuará brilhando” em 2024, se beneficiando do relaxamento monetário, de riscos geopolíticos elevados e de fortes compras de BCs.

Tópicos relacionados