Commodities

Opep mantém previsão de alta na demanda global por petróleo em 4,2 milhões de bpd

A Opep ressaltou, no entanto, que a projeção deste ano está sujeita a mudanças nas próximas semanas

Por  Estadão Conteúdo -

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) segue prevendo que a demanda global por petróleo avançará 4,2 milhões de barris por dia (bpd) em 2022, para um total de 100,8 milhões de bpd, segundo relatório mensal publicado nesta terça-feira, 15.

A Opep ressaltou, no entanto, que a projeção deste ano está sujeita a mudanças nas próximas semanas, quando “houver mais clareza dos impactos da turbulência geopolítica”, referindo-se ao conflito entre Rússia e Ucrânia.

Em relação a 2021, o cartel elevou levemente sua estimativa de avanço na demanda global, em 5 mil bpd, para 5,7 milhões de bpd.

Oferta

Também nesta terça-feira, a Opep manteve sua previsão para o aumento da oferta de petróleo entre países fora do grupo em 2022, em 3 milhões de barris por dia (bpd), segundo relatório mensal. Com isso, espera-se que a oferta alcance 66,6 milhões de bpd este ano. O cartel disse, porém, que a revisão poderá ser ajustada nas próximas semanas, se necessário.

Os países que devem mais contribuir para o incremento da oferta em 2022 são EUA e Rússia, seguidos por Canadá, Brasil, Casaquistão, Guiana e Noruega, diz a Opep.

Em relação a 2021, a Opep reiterou sua estimativa de acréscimo da oferta em 2021, em 600 mil bpd.

Ainda no relatório, a Opep informa que sua produção cresceu 44 mil bpd em fevereiro ante janeiro, para uma média de 28,47 milhões de bpd, de acordo com fontes secundárias.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe