Venda de ativos

Oi (OIBR3;OIBR4) recebe proposta de até R$ 1,697 bi por sites da operação fixa

Serão pagos R$ 1,088 bilhão na data do fechamento da operação e até R$ 609 milhões, a serem recebidos até 2026, a depender de condições

Por  Felipe Moreira

A Oi (OIBR3;OIBR4) recebeu uma proposta de afiliada da Highline para venda de 8 mil sites de infraestrutura de telecomunicações da operação fixa, acompanhados de todos seus ativos, contratos, direitos, obrigações, licenças e demais equipamentos necessários para a sua operação, informou a companhia nesta manhã de segunda-feira (01).

Segundo o fato relevante, serão pagos R$ 1,088 bilhão na data do fechamento da operação e até R$ 609 milhões, a serem recebidos até 2026, a “depender da quantidade futura de itens de infraestrutura a serem utilizados”.

“A proposta vinculante prevê que a conclusão da operação está condicionada, entre outras condições precedentes usuais a este tipo de transação, às aprovações regulatórias aplicáveis, incluindo Anatel e Cade”, diz a empresa.

A venda foi realizada à NK 108 Empreendimentos e Participações (NK 108), afiliada da Highline do Brasil II Infraestrutura de Telecomunicações S.A.

Por fim, a Oi diz que proposta está em linha com a implementação do Plano Estratégico de transformação das operações da Oi e suas subsidiárias e com o Aditamento ao Plano de Recuperação Judicial, homologado pelo Juízo da 7ª Vara Empresarial da Comarca da Capital do Estado do Rio de Janeiro em 05 de outubro de 2020, bem como atende aos requisitos previstos no Aditamento ao PRJ.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe