Em mercados

Trump comemora queda nos preços do petróleo e cita o Fed em tuíte

"Tão bom ver que os preços do petróleo estão caindo (obrigado, presidente T). Adicione isso, que é como um grande corte nos impostos, a outras boas notícias econômicas. Inflação indo para baixo (você está ouvindo, Fed?)", escreveu Trump  

Donald Trump
(Shealah Craighead)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, comemorou em seu perfil no Twitter que os preços do petróleo estejam caindo e indicou que isso se deve às suas políticas. Além disso, ele citou o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) no tuíte, ao comentar que a inflação está recuando.

"Tão bom ver que os preços do petróleo estão caindo (obrigado, presidente T). Adicione isso, que é como um grande corte nos impostos, a outras boas notícias econômicas. Inflação indo para baixo (você está ouvindo, Fed?)", escreveu Trump.

Nesta semana, Trump já havia comemorado a queda nas cotações do petróleo, além de ter dito que uma ruptura com a Arábia Saudita provocaria uma forte alta nos preços, o que ele pretendia evitar.

Em comunicado emitido pela Casa Branca na terça-feira, o presidente americano reafirmou seu apoio ao governo saudita, ao dizer que os dois países têm trabalhado juntos para "manter os preços do petróleo em níveis razoáveis", algo que, para ele, é "importante para o mundo".

O tombo recente nos preços do petróleo também levou para baixo os rendimentos dos títulos públicos americanos à medida que os investidores acreditavam na menor perspectiva de inflação futura nos Estados Unidos, o que não faria com que o Fed acelerasse o aperto de sua política monetária.

Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril do petróleo WTI passou de US$ 75,30 no início de outubro para US$ 50,42, no menor nível desde outubro de 2017.

Seja sócio das melhores empresas da Bolsa: abra uma conta na XP e conte com assessoria especializada e gratuita!

 

 

Contato