Em mercados

FMI aumenta projeção de crescimento do PIB do Brasil em 2012 e 2013

Economia nacional deve crescer 3% este ano e 4,1% no ano que vem, contra previsão anterior de 2,9% e 4%, respectivamente

SÃO PAULO - O FMI (Fundo Monetário Internacional) elevou sua projeção de crescimento econômico do Brasil em 2012, de 2,9% para 3,0%. A expectativa para o ano que vem também subiu de 4% para 4,1%, de acordo com a versão atualizada do relatório Panorama Econômico Mundial divulgada nesta terça-feira (17). As estimativas anteriores foram publicadas em janeiro de 2012.

Com esses valores, o PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro será menor que a média prevista para as economias emergentes, de 5,7% em 2012 e de 6,0% no próximo calendário - perspectivas que também são maiores do que as anunciadas anteriormente, de 5,5% e 5,9%, respectivamente.

O crescimento previsto para a economia doméstica também é menor do que a média projetada para os países da América Latina e Caribe este ano, de 3,7%, mas é idêntico ao previsto para 2013 (+4,1). Em janeiro, a perspectiva era de alta de 3,5% em 2012 e de 4,0% em 2013, respectivamente.

 

Contato