Em mercados

Orbe Investimentos desfaz-se de suas posições em Helbor e Comgás

Empresa eleva posição em empresas que já estavam em sua carteira; Magnesita é novidade no portfólio da companhia

SÃO PAULO - Representando um dos principais fundos de investimentos nacional, a Orbe Investimentos desfez-se de suas posições em Helbor (HBOR3) e Comgás (CGAS3), ambas consideradas bons investimentos já maduros. A gestora aproveitou para elevar sua posição em empresas que já estavam em sua carteira, como Embraer (EMBR3), Suzano (SUZB5), Kroton (KROT11), Guararapes (GUAR3) e Minerva (BEEF3), e montar posição em duas novas empresas - ainda não divulgadas.

A gestora não afirmou nada sobre seus novos posicionamentos, mas pode ser que sejam empresas mais líquidas, já que o sócio e gestor do fundo, Fernando Camargo Luiz, afirmou que o mercado "permite esse tipo de movimento". A empresa, contudo, afirmou realizar uma troca tática entre GP Investimentos (GPIV11) e a Magnesita (MAGG3), sendo a segunda controlada da primeira e ativo mais promissor da carteira da "holding".

Assim, o portfólio da Orbe é composto não somente das empresas já mencionadas, como pelo Banco Indusval (INDV4), Tempo Participações (TEMP3) e Schulz (SHUL4). 

 

Contato