Notebooks: preços devem ter pequena redução no fim de ano, diz especialista

Diretor da IT Data, Ivair Rodrigues, aconselha ao consumidor a ter cautela na hora de comprar equipamentos

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – Quem espera o final do ano para comprar seu notebook por um preço menor pode acabar frustrado. O diretor da consultoria IT Data, Ivair Rodrigues, disse que o preço vai variar muito pouco durante o período de festas.

Ele ressalta que o consumidor não deve esperar grandes quedas, porque o preço já está bem interessante para compra. O dólar baixo e o bom momento do setor de informática, chegando a mais de 200% de crescimento das vendas, em comparação ao ano passado, são as razões destacadas.

Recomendações de compra

“Vá na loja ou na revenda e compre. Seria mais interessante ainda levar alguém especializado no assunto. Evite comprar por sites não especializados em informática”, recomendou o diretor.

O consumidor precisa tomar cuidado com notebooks muito baratos, pois já podem ter sido de outra pessoa. “Alguns sites e lojas não especializadas estão acostumados a revender essas máquinas usadas como se fossem novas. Não existem grandes ofertas quando se trata de um bom computador”, complementou Rodrigues.

Crescimento do mercado de notebooks

Segundo previsões da Abinee (Associação Brasileira de Indústria Elétrica e Eletrônica), as vendas de computadores para 2007 devem atingir 10,100 milhões de unidades, dos quais 20,8% são notebooks e 79,2%, são equipamentos de mesa. A previsão do crescimento das vendas, neste ano, está em 211%, comparado a 2006.

Para 2008, a previsão é ainda mais positiva, com expectativa de que 3,800 milhões de notebooks sejam vendidos, o que representaria 32,2% do total de computadores negociados.

Compartilhe