Política monetária

No Senado dos EUA, indicados de Biden ao Fed defendem forte combate à inflação

“Combater a inflação deve ser a principal prioridade do Fed”, comentou Sarah Bloom Raskin, indicada para a posição de vice-presidente de Supervisão

Por  Estadão Conteúdo -

O combate frontal à alta dos índices de preços nos Estados Unidos foi a maior mensagem dos discursos de abertura na participação no Senado em Washington dos três indicados pelo presidente, dos EUA, Joe Biden, para cargos no Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano).

“Combater a inflação deve ser a principal prioridade do Fed”, comentou Sarah Bloom Raskin, indicada para a posição de vice-presidente de Supervisão.

“A inflação é grande ameaça e estou comprometida em manter as expectativas de inflação bem ancoradas”, destacou Lisa DeNell Cook.

“O Fed deve assegurar que a inflação baixe para níveis consistentes com seus objetivos”, ressaltou Philip Nathan Jefferson.

Ele apontou também que a prosperidade do país no longo prazo requer que a autoridade monetária nos EUA deve atuar para garantir a solidez do sistema financeiro.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe