Nasdaq opera em alta no pre-market

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

O indicador de pre-market do índice Nasdaq 100 estava subindo 54,31 pontos às 8h55 de Nova York, representando alta de 1,9%. O desempenho do indicador, que é calculado pela Nasdaq utilizando-se das cotações no pre-market das 100 ações componentes do índice, indica tendência de alta na abertura do pregão.

A possível decisão da saga eleitoral norte-americana, que começou no dia 7 de novembro, deve guiar o mercado hoje. A Suprema Corte dos EUA deu parecer negativo à recontagem dos votos da Flórida requerida pelo candidato democrata Al Gore, favorecendo o republicano George W. Bush. O principal destaque do Pre-market, associado a uma possível vitória de Bush, é a alta de 1,17% da gigante mundial de software Microsoft. A empresa espera decisão governamental sobre seu possível desmembramento; contudo, o candidato republicano apresenta uma postura mais tolerante em relação ao suposto monopólio da empresa.

Outros destaques de alta dentre as ações negociadas na Nasdaq são a empresa de infraestrutura de e-commerce PSINet (+4,81%), por conta do acordo anunciado ontem com a Alliance Data Systems, o fornecedor de estruturas personalizadas de e-business BroadVision (+4,03%), a empresa de fibra ótica para telefonia JDS Uniphase (+2,73%), a empresa de rede de dados 3Com (+2,82%), a fabricante de PCs Sun (+2,03%) e a de semicondutores Intel (+1,37%). Por outro lado, os destaques de baixa são a fabricante de semicondutores ASM Lithography (-6,22%), a Dell (-3,82%) e a Applied Materials (-3,30%)

O Pre-Market funciona entre 8h00 e 9h30 de Nova York, e junto com o After Hours (que funciona entre 16h00 e 18h30) são os primeiros mercados a capturar a reação dos investidores a anúncios feitos pelas empresas após o fechamento regular da Nasdaq.

Compartilhe