Radar InfoMoney

MRV (MRVE3) e Odontoprev (ODPV3) aprovam proventos; Eletrobras (ELET3) paga bônus de outorga e mais notícias

Confira os destaques do noticiário corporativo na sessão desta terça-feira (21)

Por  Felipe Moreira -

O noticiário corporativo desta terça-feira (21) tem como destaque a distribuição de proventos pela MRV (MRVE3) e Odontoprev (ODPV3).

A São Martinho (SMTO3) registrou um aumento de 8,7% do lucro líquido no quarto trimestre do ano safra 2021/22. A companhia também aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio (JCP) no valor de R$ 115 milhões.

Já a Oi (OIBR3) adiou novamente a divulgação de resultados do primeiro trimestre de 2022.

A Eletrobras (ELET6;ELET3), por sua vez, efetivou pagamento de R$ 26,6 bilhões à União em bônus de outorga dos novos contratos de concessão de geração de energia elétrica.

Confira mais destaques:

Eletrobras (ELET3;ELET6)

A Eletrobras (ELET3; ELET6) pagou montante de R$ 26,635 bilhões, referente ao valor devido a título de bônus de outorga dos novos contratos de concessão de geração de energia elétrica, no âmbito do seu processo de privatização.

A estatal também informou que a BNDESPar, subsidiária integral do BNDES, alienou, no âmbito da Oferta Pública Global pela companhia elétrica, 69.801.516 de ações ON de sua titularidade. A alienação, em conjunto com a diluição resultante da tranche primária da referida oferta, fez com que a BNDESPar ultrapassasse, para baixo, o patamar de 5% do total de ações ON de emissão da Eletrobras.

Oi (OIBR3)

A Oi (OIBR3;OIBR4) adiou a divulgação do balanço do primeiro trimestre, que estava previsto para hoje (21), para o dia 28 de junho. No entanto, a empresa antecipou receita preliminar de R$ 4,383 bilhões.

O lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) de rotina preliminar da empresa atingiu R$ 1,128 bilhão no período, alta de 8% em relação ao mesmo trimestre de 2021.

A empresa informou que entre as razões para o adiamento estão a complexidade dos trabalhos de segregação de ativos nas três SPEs que integram a UPI Ativos Móveis e a necessidade de obtenção de pareceres dos auditores independentes para as respectivas demonstrações financeiras das três SPEs e a conclusão da venda da UPI Ativos Móveis e da venda do controle da UPI InfraCo.

MRV (MRVE3)

A MRV (MRVE3) aprovou distribuição de dividendos no valor de R$ 95,5 milhões, equivalentes a R$ 0,197808371 por ação. Os proventos serão creditados em 5 de julho, tendo como base a posição acionária em 23 de junho.

Como viver de renda com dividendos
Baixe o ebook gratuito: como investir em dividendos de ações – e quais as maiores pagadoras de proventos dos últimos 5 anos
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.

São Martinho (SMTO3)

A São Martinho (SMTO3) registrou lucro líquido de R$ 225,4 milhões no quarto trimestre do ano safra 2021/22, um crescimento 8,7% na comparação com igual etapa do ano anterior.

A companhia pagará juros sobre capital próprio (JCP) no valor de R$ 115 milhões, ou R$ 0,33 por ação.

Odontoprev (ODPV3)

A Odontoprev (ODPV3) aprova pagamento de JCP no valor de R$ 17,6 milhões, o equivalente a R$ 0,0316 por ação, com pagamento em 21 em dezembro.

Cemig (CMIG4)

A Cemig (CMIG4) decidiu não exercer o direito de preferência à subscrição das novas ações emitidas em razão do aumento de capital social da sua coligada Madeira Energia S.A. (MESA). Desta forma, a participação total, direta e indireta, da Cemig GT no capital social da MESA foi reduzida, após a homologação do aumento de capital, de 15,51% para 7,53% do capital total.

Banco Modal (MODL11)

O Banco Modal (MODL11) aprovou conversão de ações PN em ON, na relação de 1 PN para 1 ON, como parte do processo para compra pela XP.

Viveo (VVEO3)

A Viveo (VVEO3) lança a marca Prevena, integrando as sete empresas que atuam no segmento de laboratórios e conectando-as a fabricantes e fornecedores.

Tegma (TGMA3)

A Tegma (TGMA3) informou que o diretor-presidente da companhia, Marcos Antonio Leite de Medeiros, renunciou ao cargo hoje. Medeiros vai permanecer na função até 30 de junho, para conduzir o processo de transição. O posto será ocupado pelo presidente da controlada GDL, Nivaldo Tuba, a partir de 1º de julho.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Manual dos Dividendos: inscreva-se e aprenda com o estrategista-chefe da XP uma estratégia simples e poderosa para viver de renda

Compartilhe