Bolsas

Ministério de Finanças da China promete não vender ações de empresas listadas

O ministério também anunciou que, diante das incomuns oscilações recentes nos mercados acionários, ampliará o apoio para instituições financeiras estatais para que elas melhorem seu desempenho

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

O Ministério de Finanças da China informou hoje que não vai vender ações de empresas listadas e que pedirá às instituições financeiras estatais que não vendam ações em subsidiárias listadas, em meio à forte volatilidade recente nas bolsas do país.

 

Em comunicado, o ministério disse que incentiva empresas financeiras estatais a aumentar suas participações em subsidiárias listadas cujo valor de mercado ainda esteja abaixo de níveis “razoáveis”.

Aprenda a investir na bolsa

 

O ministério também anunciou que, diante das incomuns oscilações recentes nos mercados acionários, ampliará o apoio para instituições financeiras estatais para que elas melhorem seu desempenho operacional. O ministério não deu mais detalhes de como pretende agir.

 

Também hoje, o órgão regulador de ativos estatais da China pediu a estatais sob seu controle que não vendam ações de subsidiárias listadas e as encorajou a aumentar suas participações. Fonte: Dow Jones Newswires.