Conteúdo editorial apoiado por
IM Trader

Mini-índice (WINM24): atenção aos pontos de suporte e resistência da consolidação

Confira o que esperar para o mini-índice nesta terça-feira (14)

Felipe Alves

Publicidade

Os contratos de mini-índice (WINM24), com vencimento em junho, fecharam a última sessão no positivo, registrando alta de 0,44%, aos 129.300 pontos.

Com base no fechamento da última segunda-feira, aos 129.300, o analista técnico Rodrigo Paz aponta como suportes 128.820/128.500 (1), 127.845 (2) e 127.115 (3). Enquanto isso, as resistências encontram-se em 129.700/129.915 (1), 130.475 (2) e 131.280/131.365 (3).

“Para o pregão de hoje (terça-feira), os traders devem se atentar às principais regiões de resistência de 129.700/129.915 e de suporte de 128.820/128.500 pontos, pois enquanto não romper um desses patamares o ativo continuará nesta região de consolidação ampla. Para que o mini-índice retome sua baixa, ele terá que romper a região de suporte para buscar o patamar mais baixo em 127.845 pontos. Porém, se superar sua resistência, poderá buscar a região de topo dos 130.475 pontos”, aponta Paz.

Continua depois da publicidade

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

Segundo ele, é possível notar, por meio do gráfico de 15 minutos do mini-índice, que o ativo entrou em uma região de consolidação com dois pontos de suporte, 128.820/128.500, sendo claramente defendidos pelos compradores e dois pontos de resistência, 129.700/129.915, sendo defendidos pelos vendedores. Por este motivo, o ativo só terá um movimento direcional após o rompimento de uma dessas regiões, caso contrário continuará sendo negociado nesse range de preço.

“Caso o ativo siga o fluxo comprador e rompa a resistência dos 129.700/129.915, poderá buscar os 130.475 pontos. Porém, se perder o suporte da região 128.820/128.500 deverá buscar região mais baixa dos 127.845 pontos”, afirma Paz.

Continua depois da publicidade

WINM24: Gráfico de 60 minutos 

Por meio do gráfico de 60 minutos é possível observar a região de consolidação do mini-índice com suportes e resistências bem claros. Para continuar sua movimentação de alta, será necessário romper a região de 129.700/129.915 pontos para que possa buscar a resistência de 130.475. Porém, caso perca a região de suporte de 128.820/128.500 poderá buscar fundos mais baixos em 127.845 pontos.

“Pode-se observar por meio do gráfico que, após perder a linha de tendência de alta (LTA), o ativo lateralizou. Caso o mini-índice venha a perder a região de suporte dos 128.820/128.500 pontos com alto volume vendedor, o ativo poderá dar início a uma tendência de baixa. Porém, se romper a resistência de 129.700/129.915, poderá prevalecer a ponta compradora levando o ativo a buscar as próximas resistências em 130.475 a mais acima 131.280/131.365 pontos”, diz Paz.

De acordo com ele, para seguir o fluxo comprador será necessário romper a região dos 129.700/129.915 pontos para então buscar alvos mais longos nos 130.475 e na resistência de 131.365 pontos.

Continua depois da publicidade

Se retomar o movimento de baixa, será necessário perder a região de 128.820/128.500 pontos. Se perder tal faixa, poderá buscar alvo nos 127.845 e na região mais longa nos 127.115 pontos.

Guias de análise técnica:

Confira mais conteúdos sobre análise técnica no IM Trader. Diariamente, o infomoney publica o que esperar dos minicontratos de dólar e índice. As melhores plataformas para operar na Bolsa. Abra uma conta na XP.