RADAR INFOMONEY A expansão da JBS, de olho em carne vegetal, é assunto do programa desta segunda-feira; assista

A expansão da JBS, de olho em carne vegetal, é assunto do programa desta segunda-feira; assista

Commodities

Minério de ferro tem 2ª maior queda semanal no ano por repressão à poluição na China

O minério de ferro mais negociado na Bolsa de Commodities de Dalian caiu 0,3% para 1.059 iuanes, fechando a semana em queda de 6%

(Reuters) – Os contratos futuros de minério de ferro caíram nesta sexta-feira no mercado asiático e estavam no caminho de sua segunda maior perda semanal até agora este ano, já que as medidas na China para restringir as operações altamente poluentes das siderúrgicas e reduzir a capacidade de produção pesaram sobre o ânimo.

O minério de ferro mais negociado na Bolsa de Commodities de Dalian caiu 0,3% para 1.059 iuanes (163,11 dólares), fechando a semana em queda de 6%.

O Ministério da Ecologia e Meio Ambiente da China pediu que Tangshan, a principal cidade siderúrgica do país, reprima aqueles que violam as regras de qualidade do ar, depois que quatro usinas não conseguiram implementar restrições à produção durante dias de forte poluição.

O governo de Tangshan emitiu um alerta de poluição de segundo nível em 8 de março, instando as empresas industriais pesadas, como siderúrgicas e usinas de coque, a cortar a produção.

A medida diminuiu o otimismo do mercado sobre um aumento na demanda após Ano Novo Lunar, fazendo com que os preços caíssem 5,7%, para 166 dólares a tonelada no mesmo dia, com base nos dados da consultoria SteelHome.

“O mercado voltou 10 dólares/tonelada em um dia, pois os investidores financeiros diagnosticaram erroneamente o impacto das recentes restrições ambientais sobre a capacidade de produção de aço de Tangshan”, disse Atilla Widnell, diretor-gerente da Navigate Commodities em Cingapura.

Ele disse que agora há “um risco maior de longo prazo para a demanda de minério de ferro da China, já que o governo quer cortar a capacidade de aço e avançar na produção a partir do uso de sucata.

O vergalhão de aço na Bolsa de Futuros de Xangai subiu 2,9%, enquanto a bobina laminada a quente subiu 3,1%. O aço inoxidável caiu 0,1%.

“Impulsionados por um controle rigoroso e alguns cortes de produção pelas usinas, os mercados de aço permaneceram aquecidos devido à oferta restrita”, disse o estrategista sênior de commodities do ING, Wenyu Yao.

PUBLICIDADE

Estagnado em sua profissão? Série gratuita do InfoMoney mostra como você pode se tornar um Analista de Ações em 2021. Clique aqui para se inscrever.