Minério de ferro cai por preocupações com demanda e estoques elevados

O contrato de setembro do minério de ferro mais negociado na Bolsa de Mercadorias de Dalian (DCE) da China encerrou as negociações do dia com queda de 3,3%, a 825,50 iuanes (113,56 dólares) a tonelada

Reuters

Crédito: Reuters
Crédito: Reuters

Publicidade

PEQUIM (Reuters) – Os contratos futuros do minério de ferro caíram nesta segunda-feira, com a fraca demanda e os altos estoques na China, principal mercado consumidor, pesando sobre o principal ingrediente da fabricação de aço.

O contrato de setembro do minério de ferro mais negociado na Bolsa de Mercadorias de Dalian (DCE) da China encerrou as negociações do dia com queda de 3,3%, a 825,50 iuanes (113,56 dólares) a tonelada.

O minério de ferro de referência de agosto na Bolsa de Cingapura recuava 1,8%, a 108,4 dólares a tonelada.

Continua depois da publicidade

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de crescimento para os próximos meses e anos

As quedas ocorreram após os preços terem fechado a semana passada com ganhos, apoiados por comentários “dovish” do Federal Reserve dos EUA e pelas esperanças dos investidores de medidas adicionais para impulsionar a economia da China em uma importante reunião que ocorre de 15 a 18 de julho.

No entanto, a situação real de oferta e demanda não está melhorando e, com isso, dificilmente o nível de preços mais alto atingido na semana passada se sustentaria, disseram analistas da Xinhu Futures, citando a demanda menor do que a esperada por produtos de aço acabados recentemente.

Continua depois da publicidade

Em meio a compras mais fracas das usinas siderúrgicas, os estoques portuários cresceram.

Os estoques nos principais portos da China subiram para 150 milhões de toneladas na sexta-feira, 25% a mais em comparação com o início deste ano e 18% a mais em comparação com o mesmo período do ano anterior, mostraram dados do provedor de informações Mysteel.