Microsoft é destaque negativo em dia de queda das bolsas norte-americanas

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

As bolsas norte-americanas fecharam em baixa nessa quinta-feira, com destaque negativo para os papéis de tecnologia e telecomunicações. As perspectivas de lucros mais baixos para a Microsoft e Motorola, aliadas à indefinição quanto ao resultado da eleição presidencial nos EUA não animaram os investidores.

O índice Dow Jones Industrial fechou em queda de 0,44%. As ações da Microsoft despencaram 6,28%, com investidores pessimistas após a revisão para baixo de suas previsões de lucro em 2001. Outros destaques negativos foram os papéis da Alcoa (-6,79%), da gigante do setor de telecomunicações AT&T (-4,83%), do banco JP Morgan (-2,60%), ainda afetado pelas notícias do Bank of America de que não alcançará os lucros estimados para 2001, e da fabricante de equipamentos HP (-2,34%), que teve sua classificação modificada de “atrativa” para “neutra” pelo banco de investimentos Bear Stearns. Entre os papéis que obtiveram valorização no pregão de hoje estavam a Kodak (+3,10%), as empresas de bens de consumo Coca Cola (+2,46%), McDonald’s (+2,11%) e Procter & Gamble (+1,99%), além da petrolífera Exxon Mobil (+2,03%).

O índice Nasdaq Composite, que concentra as ações de tecnologia, fechou em baixa de 0,87%. As principais quedas do dia ficavam com a fabricante de softwares Broadvision (-11,31%), com a empresa de e-commerce Amazon (-9,52%)e com as gigantes Yahoo! (-6,83%), Microsoft (-6,28%), Oracle (-6,21%), Dell Computer (-3,13%), Sun Microsystems (-3,25%) e Cisco (-2,92%). Entre as ações mais negociadas, o destaque foi a fabricante de plataformas para e-commerce Ariba, que subiu 4,96% após ter sido recomendada pela Goldman Sachs. A fabricante de chips Intel obteve valorização de 1,77% em seu papéis, enquanto a empresa de internet Lycos fechou o pregão com alta modesta (+0,92%).

O S&P 500, índice que representa as 500 maiores empresas norte-americanas, fechou em queda de 0,59%. Os papéis da fabricante de equipamentos de tecnologia Texas Instruments foram o destaque negativo do dia, com desvalorização de 7,42%. As ações da fabricante de equipamentos de telecomunicações Lucent Technologies também fecharam em baixa (-3,72%). Já as ações da Motorola se recuperaram no final do pregão, mesmo após a empresa ter anunciado expectativas de lucro mais baixas para os próximos trimestres, fechando em queda de 0,35%.

Compartilhe