RADAR INFOMONEY Por que a Bolsa sobe e o PIB cai? O Ibovespa segura os 120 mil pontos, diante do caos na economia?

Por que a Bolsa sobe e o PIB cai? O Ibovespa segura os 120 mil pontos, diante do caos na economia?

Em reversão

Mercados emergentes ficam alertas para fuga de capital semelhante a 2013 com alta do rendimento dos Treasuries

Ativos de países em desenvolvimento despencaram nos últimos dois dias, enquanto rendimentos dos títulos do Tesouro dos EUA subiam

arrow_forwardMais sobre
(Getty Images)

(Bloomberg) — Mercados emergentes se preparam para uma saída de fundos em meio ao aumento dos rendimentos dos Treasuries, o que remete à turbulência ocorrida em 2013.

Depois dos ganhos no início de 2021, ativos de países em desenvolvimento despencaram nos últimos dois dias, enquanto os rendimentos dos títulos do Tesouro dos EUA subiam para o nível mais alto em mais de um ano. O movimento soou o alarme sobre as perspectivas para as taxas de juros e inflação. O índice acionário MSCI Emerging Market chegou a cair 2,8% na sexta-feira, enquanto o rand sul-africano e a lira turca acumulavam queda acima 3% em relação ao fechamento de quarta-feira.

Os mercados emergentes perdem terreno com as expectativas de uma política monetária global mais apertada e avanço da inflação, que reduzem o apelo relativo de ativos de risco. Com a alta dos rendimentos dos EUA nesta semana, muitos lembraram da turbulência causada pelo anúncio do Federal Reserve de que começaria a desacelerar sua política de flexibilização quantitativa, o levou à disparada das taxas dos títulos ao redor do mundo.

“Parece que o mercado está precificando um ‘taper tantrum’ independentemente do que o Fed diga”, disse Alvin T. Tan, em referência ao termo usado em 2013 para a “birra” do mercado ao plano de retirada dos estímulos. O chefe de estratégia de câmbio para Ásia da RBC Capital Markets em Hong Kong disse que, “como em 2013, é geralmente negativo para o câmbio de mercados emergentes,” com a rupia indonésia, o rand, a lira e o real entre as moedas mais vulneráveis desta vez.

O won da Coreia do Sul era o maior perdedor nos mercados emergentes na manhã de sexta-feira, com queda de 1,4%, enquanto a rupia teve baixa de 1,2%. O peso mexicano perdeu 2,3% na quinta-feira, o pior dia em cinco meses, enquanto a lira caiu pelo quinto dia.

Antes da turbulência atual, ativos de mercados emergentes estavam entre as apostas favoritas para este ano. Cerca de 65% dos investidores disseram que as ações de países em desenvolvimento teriam o melhor desempenho em 2021, segundo pesquisa com gestores de fundos publicada pelo Bank of America em janeiro.

Compras de títulos

Autoridades dos mercados emergentes podem ter que aumentar os programas de compras de títulos para segurar a alta dos rendimentos, de acordo com Mitul Kotecha, estrategista-chefe de mercados emergentes para Ásia e Europa na TD Securities, em Cingapura.

“Eles não vão querer ver um rali prematuro dos rendimentos, especialmente porque o crescimento em muitos mercados emergentes ainda é frágil”, disse. “Maior volatilidade do mercado, pressão sobre os diferenciais de rendimento e queda de ações de crescimento e de ‘momentum’ provavelmente afetarão os ativos dos mercados emergentes.”

PUBLICIDADE

Ainda assim, Kotecha disse que a fuga de capitais provavelmente não será tão ruim quanto em 2013 e talvez fique limitada ao curto prazo. Segundo ele, o Fed ainda está longe de retirar os estímulos ou de aumentar os juros “e isso deve acalmar os nervos”. “Além disso, a razão para rendimentos mais elevados é que a recuperação está se consolidando cada vez mais. Isso é realmente uma boa notícia para mercados emergentes.”

Como um trader ganha dinheiro, controla perdas, equilibra o emocional e multiplica capital? Assista na Imersão Trader Estratégico, treinamento gratuito do analista Charlles Nader.