Bolsas Mundiais

Mercado segue cauteloso após frustrações com Grécia e antes de nova rodada de negociações

Na medida em que o tempo passa, aumentam os temores sobre o pagamento da dívida com os credores, com vencimento para a próxima terça-feira para que o país honre seus compromissos de 1,6 bilhão de euros com o FMI

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – As tensões envolvendo a dívida grega e um acordo entre o país e seus credores segue no radar dos mercados nesta quinta-feira (25), data esperada para um novo encontro e novas esperanças por pontos em comum entre as partes. Às 8h32 (horário de Brasília), o índice pan-europeu FTSE operava praticamente estável, com perdas de 0,4%, a 6.841 pontos, enquanto o alemão DAX seguia movimento oposto com ganhos de 0,46%, a 11.523 pontos no mesmo horário.

Na medida em que o tempo passa, aumentam os temores sobre o pagamento da dívida com os credores, com vencimento para a próxima terça-feira (30) para que o país honre seus compromissos de 1,6 bilhão de euros com o FMI (Fundo Monetário Internacional). Depois de uma nova reunião frustrada, as atenções dos investidores se voltam para uma nova rodada de dois dias de negociações, acompanhadas pelos ministros das finanças de diversos países da Zona do Euro.

Caso um acordo não seja alcançado e a Grécia não consiga honrar seus pagamentos, ela terá de abandonar o bloco. Para que novas injeções de estímulos por parte dos credores seja aprovada, o paíes precisa ceder com novas iniciativas de austeridade – o que o governo de Alexis Tsipras teima em aceitar, sob pressão também do Congresso e da população local, sem contar com as tradicionais bandeiras do partido que o elegeu.

Aprenda a investir na bolsa

Bolsas asiáticas
Os mercados asiáticos fecharam em queda, com investidores em compasso de espera antes da reunião de líderes da União Europeia ainda nesta quinta-feira enquanto a Grécia continua com seus esforços de última hora para evitar o default. Às 7h53 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão recuava 0,43 por cento.

As conversas de Atenas com credores travaram nos detalhes, com o prazo final da semana que vem para o pagamento de 1,6 bilhão de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI) se aproximando, e ameaçando desencadear a saída da Grécia da zona do euro. 

Os líderes da UE vão se reunir em Bruxelas nesta quinta-feira. “O otimismo acerca de um acordo com a Grécia vinha impulsionando a movimentação de preços a semana inteira, mas a estagnação do processo de negociação freou o rali”, disse o estrategista de mercado da IG Stan Shamu em nota.

. Em TÓQUIO, o índice NIKKEI recuou 0,46 por cento, a 20.771 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,95 por cento, a 27.145 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 3,44 por cento, a 4.528 pontos.

PUBLICIDADE

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,02 por cento, a 2.085 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,84 por cento, a 9.476 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,04 por cento, a 3.349 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,95 por cento, a 5.632 pontos.

(com Reuters)