E-commerce em destaque

Mercado Livre tem US$ 68,2 milhões de lucro líquido no 2º trimestre

No Brasil, a receita cresceu 101% neste trimestre em moeda constante; a operação já representa 55,9% da receita total da companhia

(Divulgação)

O Mercado Livre (MELI34) apresentou lucro líquido de US$ 68,2 milhões no segundo trimestre de 2021, o que resulta em lucro líquido de US$ 1,37 por ação. A receita líquida foi de US$ 1,7 bilhão, aumento de 93,9% na comparação com o mesmo período de 2020. Em moeda constante, a alta foi de 102,6%.

No Brasil, a receita líquida cresceu 101% neste trimestre em moeda constante. A operação brasileira já representa 55,9% da receita líquida total da companhia. O trimestre encerrou com um lucro antes de impostos, de US$ 138,9 milhões, crescimento de 55,5% em relação aos US$ 89,3 milhões apurados durante o segundo trimestre de 2020.

A base de usuários únicos ativos durante o trimestre aumentou 47,4% em comparação com igual período de 2020, atingindo 75,9 milhões. O volume de vendas (GMV) foi de US$ 7 bilhões, representando um crescimento anual de 39,2% em dólar e de 46,1% em moeda constante.

A operação brasileira cresceu mais de 40% em volume de vendas, em moeda constante, na comparação com 2020, com mais de 125 milhões de itens vendidos neste trimestre. “Destaque para a contribuição da recente parceria com o Grupo Pão de Açúcar e da entrega no mesmo dia – que, ao manter o atual ritmo de crescimento, pode vir a representar quase 20% dos CEPs do Brasil”, diz a companhia.

Com o Mercado Envios, 230,5 milhões de itens foram enviados, aumento de 46,4% em relação ao mesmo período do ano anterior – no Brasil, os envios via rede gerenciada atingiram 86% da operação, sendo mais de 29% via logística própria do Mercado Livre.

O volume total de pagamentos (TPV) via Mercado Pago atingiu US$ 17,5 bilhões, crescimento de 56,3%, em dólar, e de 72,2% em moeda constante. Já o valor total transacionado (TPN) no período cresceu 80,3%, ano contra ano, atingindo 729,9 milhões no segundo trimestre.

O volume total de pagamentos via Mercado Pago fora da plataforma do Mercado Livre atingiu US$ 10,3 bilhões, crescimento de 70,5% em dólar e de 93,5% em moeda constante. Já o número de transações de pagamento atingiu 556,0 milhões, crescimento de 101,6% na mesma comparação anual. “Como um canal importante para o crédito ao consumidor, o recurso ‘compre agora, pague depois’ para pagamentos via carteira Mercado Pago, já atingiu taxas de penetração de dois dígitos no Brasil”, destaca a companhia.

Em curso gratuito de Opções, professor Su Chong Wei ensina método para ter ganhos recorrentes na bolsa. Inscreva-se grátis e participe.