Maioria das bolsas européias fecha em alta, impulsionadas pela recuperação do mercado norte-americano

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

A maioria das bolsas européias fechou em alta nessa sexta-feira, impulsionadas pelas ações das empresas da “velha economia” e pelo bom desempenho das bolsas norte-americanas no pregão de hoje. Os principais destaques ficaram com as altas das bolsas de Paris e Frankfurt, além da Bolsa de Istambul, que avançou 2,57% em função da aprovação do empréstimo de emergência totalizando US$ 7,5 bilhões, para ajudar a Turquia a superar a crise financeira. Já a Bolsa de Londres, que encerrou hoje o seu pregão 4 horas mais cedo, recuou em função do fraco desempenho dos papéis de telecomunicações e por ter fechado antes da abertura da Nasdaq, que opera em forte alta.

A Bolsa de Londres encerrou suas negociações em queda, com o índice FTSE-100 perdendo 0,29%. A British American Tobacco (-4,2%), as companhias de telecomunicações Colt Telecom (-3,9%), British Telecom (-2,2%) e Vodafone (-1,0%), e a empresa de mídia Daily Mail (-3,5%), figuraram entre as maiores baixas dentro do índice. A companhia de saúde Nycomed Amersham (-2,7%) também caía consideravelmente. Por outro lado, os principais destaques positivos do pregão ficaram com a varejista Dixons (+3,7%) e a seguradora Allied Zurich, que subiu 2,8%.

Já em Paris, o índice CAC 40 apresentou elevação de 0,43%. As principais altas do índice ficaram com as ações da empresa de serviços Accor (+5,0%), da seguradora AGF (+3,5%), da companhia do setor de materiais e construção Saint-Gobain (+3,4%) e das farmacêuticas Aventis (+2,5%) e Sanofi-Synthelabo (+1,8%). As ações da empresa de mídia TF1 (+1,9%) e do banco BNP Paribas (+1,1%) também foram destaques positivos. Já a holding Bouygues (-1,9%), a fabricante de equipamentos de telecomunicações Alcatel (-1,1%) e a France Telecom (-1,0%) apresentaram as principais quedas do dia.

Em Frankfurt, o índice DAX 30 operava em alta de 0,79% às 15h00 de Brasília. Os comglomerados RWE (+4,5%) e E.ON (+2,3%), a empresa química Henkel (+4,4%) e a metalúrgica Thyssen Krupp (+2,8%), apresentavam os principais desempenhos positivos dentro do índice. A varejista Metro (+1,8%) e os bancos Deutsche Bank (+1,7%) e Dresdner Bank (+1,6%) também mostravam ganhos consideráveis. Em contrapartida, os destaques negativos do pregão ficavam com os papéis da companhia aérea Lufthansa (-2,7%) e da Deutsche Telekom (-1,5%).

Já a Bolsa de Madri encerrou suas negociações em alta, com o índice IBEX 35 registrando elevação de 0,83%. Os principais destaques positivos do pregão ficaram com os papéis do provedor de internet Terra Networks (+5,6%), da empresa de turismo Amadeus Global Travel (+3,3%) e dos bancos BBVA (+1,7%) e BSCH (+1,2%).











































Outros Mercados: Milão MIB 30 +0,83 %
Amsterdã AMS Exchange +0,71 %
Zurique Swiss Market +0,43 %
Lisboa BVL 30 0,00 %
Moscou Moscow Times +1,70 %
Bruxelas BEL 20 -0,02 %
Istambul ISE National-100 +2,57 %
Estocolmo Stockholm General +0,23 %
Compartilhe