Lucro de US$ 658 milhões da Texas Instruments no 1T10 fica acima das estimativas

Resultado de US$ 0,52 por ação supera em US$ 0,01 as projeções dos mercados; ações têm modestos ganhos no after hours

Por  Thiago Salomão

SÃO PAULO – Dando sequência à temporada de resultados nos Estados Unidos, a Texas Instruments trouxe a público na noite desta segunda-feira (26) seu balanço referente ao primeiro trimestre de 2010, período no qual teve um lucro por ação de US$ 0,52, ou US$ 658 milhões.

O número veio levemente acima do que era esperado, já que os analistas projetavam ganhos de US$ 0,51 por ação. Vale ressaltar que, no mesmo período de 2009, a fabricante de chips havia relatado lucro de US$ 0,01 por papel.

As vendas seguiram a mesma tendência. Entre janeiro e março deste ano, o montante acumulado chegou a US$ 3,21 bilhões, contra US$ 2,09 bilhões reportado no mesmo trimestre de 2009. Já os analistas estimavam que o volume vendido ficasse em US$ 3,14 bilhões.

After hours e estimativas
Por conta dos números levemente acima do esperado, a reação dos mercados é modesta no after hours da NYSE, com as ações da Texas subindo em torno de 0,7% nas negociações pós-mercado. Durante o pregão regular, os ativos da companhia registraram valorização de 1,84%.

Para o próximo trimestre, a corporação espera relatar ganhos por ação entre US$ 0,56 e US$ 0,64. O consenso anterior girava em torno de US$ 0,53 por papel. Para o CEO (Chief Executive Officer) da área de tecnologia de informação da companhia, Rich Templeton, o momentum deverá se manter nos próximos três meses, à medida que a demanda pelos seus produtos continua forte. “Adicionamos uma maior capacidade de manufatura para atender os nossos clientes”, disse Templeton.

Compartilhe