Temporada de balanços

Lucro da Alpargatas (ALPA4) cai 83,5% no 1º trimestre, para R$ 20,8 milhões

A receita líquida somou R$ 927,2 milhões no período, alta de 9% na comparação anual

Por  Equipe InfoMoney

A Alpargatas (ALPA4) registrou lucro líquido de R$ 20,8 milhões no primeiro trimestre de 2022 (1T22), o que representa uma redução de 83,5% em relação ao mesmo trimestre de 2021.

O recuo do lucro é devido à aquisição de 49,9% da Rothy ́s anunciada em dez/21 e pelo efeito da operação descontinuada da venda da marca Osklen no montante de R$ 90 milhões.

O lucro antes juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) recorrente caiu 2,8% no 1T22, totalizando R$ 175,1 milhões.

Já a margem Ebitda recorrente atingiu 18,9% no período, baixa de 2,3 p.p. frente a margem registrada em 1T21.

O retorno sobre o capital empregado (ROCE) atingiu 26% no primeiro trimestre de 2022, uma elevação de 6 pontos percentuais do primeiro trimestre de 2021.

A receita líquida somou R$ 927,2 milhões entre janeiro e março deste ano, alta de 9% na comparação com igual etapa de 2021.

O lucro bruto totalizou R$ 441,6 milhões nos três primeiros meses de 2022, uma redução de 0,1% em relação ao mesmo trimestre de 2021. A margem bruta foi de 47,6% no 1T22, uma diminuição de 4,4 p.p. na comparação anual.

As despesas operacionais somaram R$ 335,5 milhões no primeiro trimestre de 2022, uma elevação de 14,5% frente as despesas da mesma etapa de 2021.

A companhia encerrou o 1T22 com posição financeira líquida de R$ 1,6 bilhão, representando alta de R$ 927 milhões sobre o 1T21, explicada principalmente pelo aumento de capital realizado em fev/22 para captar recursos relacionadas à aquisição de 49,9% Rothy’s, pela geração de caixa operacional (EBITDA), pelo crescimento dos investimentos (CAPEX) e impactos das operações descontinuadas.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe