Governo

Levy diz que corte no Orçamento será de R$ 70 bilhões a R$ 80 bilhões

Questionado se o contingenciamento estaria entre essa margem que vem sendo noticiada, Levy respondeu que "a ordem de grandeza vai ser nesta faixa"

Aprenda a investir na bolsa

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse, na tarde desta segunda-feira, 18, que o corte no Orçamento, que deve ser anunciado até a próxima sexta-feira (22), será o necessário para o cumprimento da meta fiscal. Ele confirmou que a ordem de grandeza do bloqueio variará entre R$ 70 bilhões e R$ 80 bilhões, conforme antecipou o Broadcast na última sexta-feira (15).

Questionado se o contingenciamento estaria entre essa margem que vem sendo noticiada, Levy respondeu que “a ordem de grandeza vai ser nesta faixa”. “Estamos analisando, não sabemos qual vai ser o resultado do Congresso. Estamos aguardando e avaliando as diferentes opções”, afirmou Levy, ao ser questionado sobre ajuste fiscal e sobre uma possível nova rodada de imposto. “(O corte) será o necessário para a gente cumprir a meta”.

Levy participou nesta tarde de reunião com o vice-presidente Michel Temer e com líderes da base no Senado. O governo quer evitar perdas de economia com possíveis modificações nas medidas provisórias que endurecem o acesso a benefícios trabalhistas e previdenciários.

Aprenda a investir na bolsa