EUA

Indicadores norte-americanos vem acima do esperado em novembro

PCE apresenta estabilidade no mês enquanto Personal Income, Personal Spending e Durable Orders superam expectativas

(Shutterstock)

SÃO PAULO – O núcleo do índice de preços PCE (Personal Consumption Expenditures) apresentou estabilidade em novembro, frente a perspectiva de repetição da alta de 0,1% registrada no mês anterior, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (21).

O Personal Income, que acompanha a evolução da renda da população nos EUA, apresentou alta de 0,6%, enquanto o consenso dos analistas esperava alta de 0,3%. Em outubro, o índice apresentou avanço de 0,1%. Já o Personal Spending subiu 0,4% no período, enquanto o mercado projetava avanço de 0,3%. Em outubro, esse outro segmento do indicador principal registrou queda de 0,1%.

Durable Good Orders acima do esperado
Os pedidos e entregas de bens duráveis feitos junto à indústria dos Estados Unidos ficaram acima do esperado, com alta de 0,7%, enquanto estimativas apontavam para 0,2%, após alta de 1,1% no mês anterior. Já o índice excetuando-se o setor automobilístico subiu 1,6%. O mercado tinha uma média de perspectivas de queda de 0,2% no mês. No período imeditamente anterior, o ex-transportation havia registrado alta de 1,9% após revisão de dados.