Fechamento

Ibovespa sobe puxado por bancos e busca os 103 mil pontos após cair 1% no intraday

Mercado brasileiro vira junto com o dos Estados Unidos, que repercute o tom mais dovish de Charles Evans

Gráfico de ações (Crédito: Shutterstock)
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Ibovespa fechou em alta nesta quarta-feira (7), conseguindo uma improvável virada no fim do pregão impulsionado pelas ações de bancos. Os papéis de Itaú Unibanco (ITUB4) subiram 3,5%, Bradesco teve ganhos de 2% e Banco do Brasil avançou 0,3%. 

Hoje, o Morgan Stanley elevou a recomendação para overweight (desempenho acima da média do mercado) para as ações de Itaú, Bradesco e, fora do índice, para o Banrisul, esperando um forte crescimento nos lucros e crescimento nos empréstimos, além de ganhos de eficiência em meio ao novo ciclo de juros mais baixos e avanço nas reformas estruturais, como a da Previdência.

Com isso, o principal índice da B3 subiu 0,61% a 102.782 pontos depois de ter caído mais de 1% durante a sessão. O volume financeiro negociado foi de R$ 19,19 bilhões.

Aprenda a investir na bolsa

Já o dólar comercial avançou 0,48% a R$ 3,9743 na compra e a R$ 3,9749 na venda, enquanto o dólar futuro com vencimento em setembro sobe 0,3% a R$ 3,9795. 

A Bolsa brasileira teve um desempenho melhor que os índices norte-americanos, que terminaram zerados. As bolsas lá fora caíam mais de 1% antes do presidente do Federal Reserve de Chicago, Charles Evans, defender que a guerra comercial poderia justificar mais reduções nas taxas de juros dos Estados Unidos. 

O chairman do Fed de Chicago disse ainda que as perspectivas mais baixas de inflação já chamariam por uma política acomodatícia.

O tom dovish (favorável a relaxamento monetário) de Evans mudou os rumos do mercado global. O índice S&P 500 teve leve alta de 0,08%, o Nasdaq subiu 0,38% e o Dow Jones registrou leve variação negativa de 0,09%.  

Para Lucas Monteiro, operador de multimercados da Quantitas Gestão de Recursos, as bolsas melhoraram muito lá fora e ajudaram a animar o mercado por aqui. “Estamos muito mais ligados ao que ocorre no exterior, pois a aprovação da Previdência já estava precificada”, explica. 

Mais cedo, os rendimentos dos títulos do tesouro norte-americano recuavam ao mesmo tempo em que o ouro se valorizava em mais de 2,5%, sinalizando uma aversão generalizada a risco. 

PUBLICIDADE

No Twitter, o presidente dos EUA, Donald Trump, exortou o Federal Reserve a cortar juros, afirmando que “o problema não é a China”.

“Nós estamos mais fortes do que nunca, dinheiro está inundando os EUA, ao mesmo tempo em que a China perde milhares de empresas para outros países e a moeda dos chineses está sob cerco – nosso problema é que o Fed é orgulhoso demais para admitir o erro dele em agir rápido demais, apertando muito a política monetária”, escreveu. 

Hoje, o Banco Popular da China (PBoC) estabeleceu a referência oficial do ponto médio do yuan em 6,9996 por dólar, o que foi ligeiramente mais fraco do que as expectativas do mercado, segundo a CNBC. O banco central da China permite que a taxa de câmbio aumente ou caia 2% desse número.

Quem não foi tão bem foram as ações da Petrobras, que sofreram com a desvalorização do petróleo. A cotação do barril do petróleo tipo Brent chegou a cair 4,6% e está agora em US$ 57,33, enquanto o tipo WTI registrou perdas de 2,5% a US$ 52,27. 

A commodity começou a ver seus preços desabarem depois dos dados de estoque, que subiram inesperadamente em 2,4 milhões de barris na semana passada. A expectativa mediana dos analistas era de queda de 2,8 milhões de barris no período. 

Por aqui, o investidor acompanhou também a votação dos destaques apresentados pela oposição ao texto da reforma da Previdência aprovado em segundo turno na Câmara dos Deputados por 370 votos a 124. 

Quer investir com corretagem ZERO na Bolsa? Clique aqui e abra agora sua conta na Clear!

Voltando ao noticiário político nacional, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse acreditar que os destaques da Previdência apresentados serão rejeitados pelo Plenário.

PUBLICIDADE

Devem ser votados hoje os oito destaques supressivos encaminhados pela oposição. Passada essa etapa, o texto será enviado ao Senado. Maia estimou que a votação se iniciará por volta de 11 horas e prosseguirá até às 22 horas desta quarta. 

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2021 caía nove pontos-base a 5,43% e o DI para janeiro de 2023 tem queda de quatro pontos-base a 6,37%.

Vendas do varejo

As vendas do comércio varejista subiram 0,1% em junho ante maio, na série com ajuste sazonal, informou nesta quarta o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O resultado veio abaixo da mediana (+0,5%) das estimativas calculada pelo Projeções Broadcast a partir do intervalo que ia de uma queda de 0,3% a um avanço de 1,4%.

Na comparação com junho de 2018, sem ajuste sazonal, as vendas do varejo tiveram baixa de 0,3% em junho de 2019. Nesse confronto, o resultado também veio pior que a mediana das estimativas, que era positiva em 0,7%. As projeções iam de uma redução de 1,6% até uma elevação de 1,9%.

O resultado do varejo reflete a conjuntura de baixo dinamismo econômico, o grande nível de pessoas desempregadas, e o maior nível de endividamento das famílias desde abril de 2016, disse Isabella Nunes, gerente da pesquisa do IBGE.

Noticiário Corporativo

O Estadão traz informação de que as negociações entre o fundo de private equity Advent e o Casino para a compra das operações do Grupo Pão de Açúcar no Brasil esbarraram na complexa estrutura acionária do dono do GPA (PCAR4).

Segundo a publicação, o fundo teria oferecido um prêmio de 20% em relação ao preço atual do GPA na bolsa. O sistema de participação cruzada vem sendo revisado pelo Casino. Endividado, o grupo francês entrou com pedido de proteção na Justiça.

PUBLICIDADE

A Atvos, companhia do Grupo Odebrecht, pediu à Justiça corte de 46% de sua dívida bruta com fornecedores. Os débitos totais somam R$ 15 bilhões, mas R$ 3,9 bilhões são devidos a empresas do próprio grupo, diz o Valor Econômico. No plano de recuperação apresentado, a empresa propôs redução da dívida com terceiros de R$ 10,5 bilhões para R$ 5,7 bilhões.

Na safra de resultados, destaque para a BB Seguridade (BBSE3), que reportou um lucro líquido ajustado de R$ 1,087 bilhão no segundo trimestre deste ano, uma alta de 18,4% ante o mesmo período do ano passado. No semestre, o lucro alcançou R$ 2,092 bilhões, crescimento de 15,1% e o maior resultado recorrente semestral da história da Companhia.

Também saíram os balanços de Guararapes, com lucro em IFRS 16 de R$ 54,9 milhões (-38,4%); RD – Raia Drogasil (RADL4) – lucro em IFRS 16 de R$ 140,745 milhões (+13%); Iguatemi com lucro de R$ 60,1 milhões (-0,8%); e Arezzo (ARZZ3)  com lucro líquido pro-forma de R$ 42,4 milhões (+27,9%).

A elétrica Cesp (CESP6) reportou prejuízo líquido de R$ 4 milhões, revertendo lucro de R$ 340,9 milhões de um ano antes. A Engie Brasil (EGIE3) reportou lucro de R$ 385,4 milhões (-34,6%).

As maiores altas, dentre as ações que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 RADL3 RAIADROGASILON94,50+9,25+66,12380,64M
 ITUB4 ITAUUNIBANCOPN ED36,80+3,69+9,131,13B
 CSAN3 COSAN ON51,17+3,39+56,27181,00M
 VVAR3 VIAVAREJO ON8,44+3,18+92,26234,59M
 SANB11 SANTANDER BRUNT43,49+2,86+6,50134,43M

As maiores baixas, dentre os papéis que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 BTOW3 B2W DIGITAL ON35,35-4,74-15,87193,00M
 GOLL4 GOL PN N239,50-3,52+57,37168,59M
 CMIG4 CEMIG PN14,00-3,45+4,26369,49M
 RENT3 LOCALIZA ON43,49-3,14+46,98193,89M
 SMLS3 SMILES ON37,11-2,68-8,9547,18M

As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram:

 CódigoAtivoCot R$Var %Vol1Vol 30d1Neg 
 PETR4 PETROBRAS PN N225,60-1,081,63B1,06B68.950 
 ITUB4 ITAUUNIBANCOPN ED36,80+3,691,13B746,99M56.067 
 BBDC4 BRADESCO PN EJ34,89+2,111,07B706,79M50.740 
 VALE3 VALE ON46,48-0,30951,20M896,59M42.603 
 BBAS3 BRASIL ON48,45-0,10541,34M509,84M31.601 
 PETR3 PETROBRAS ON N228,20-0,95529,67M269,66M22.024 
 MGLU3 MAGAZ LUIZA ON EB36,31-0,79396,26M68,66M31.376 
 ITSA4 ITAUSA PN12,99+2,61385,66M224,74M33.006 
 ABEV3 AMBEV S/A ON20,63+0,73381,54M426,39M26.466 
 RADL3 RAIADROGASILON94,50+9,25380,64M88,78M19.412 

* – Lote de mil ações
1 – Em reais (K – Mil | M – Milhão | B – Bilhão)
IBOVESPA

Previdência

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, comemorou o resultado da votação do texto-base da reforma da Previdência na Câmara e previu que a tramitação da proposta deve ser concluída até o fim do mês que vem. “Projetamos a votação em dois turnos no plenário do Senado entre 20 e 30 de setembro”, afirmou.

A reforma da Previdência, na forma do substitutivo do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), aprovada em segundo turno, aumenta o tempo para se aposentar, limita o benefício à média de todos os salários, eleva as alíquotas de contribuição para quem ganha acima do teto do INSS e estabelece regras de transição para os atuais assalariados.

A versão aprovada pelos deputados garante, pelos cálculos do governo, um impacto fiscal de R$ 933,5 bilhões em dez anos com mudanças no atual sistema previdenciário e alterações de alíquota da CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido) para bancos. O montante é R$ 303,5 bilhões menor do que o texto original.

Rodrigo Maia disse ter fechado um acordo para a votação da chamada PEC paralela, que tratará da inclusão de Estados e municípios nas novas regras previdenciárias. Os entes federativos foram retirados da proposta original feita pelo governo. O texto deverá ser formalizado pelos senadores e depois encaminhado à Câmara.

(Com Agência Estado)