Resumo da Bolsa

Ibovespa sobe 1,7% e chega aos 80 mil pontos; dólar perde os R$ 4,00 e bate mínima em mais de um mês

Índice chegou a 80.100 pontos em sua máxima do dia puxado pela disparada de mais de 5% da Petrobras

Por  Rodrigo Tolotti

SÃO PAULO – O mercado brasileiro voltou a ter um pregão de ganhos expressivos nesta quinta-feira (27), puxado principalmente pela disparada das ações da Petrobras (PETR4), que saltou 5% com a alta do petróleo e após a Justiça dos Estados Unidos reconhecer a empresa foi “vítima” da Operação Lava Jato. O tom positivo nas Bolsas em Wall Street também ajudaram a impulsionar o índice, que chegou a superar os 80 mil pontos.

O benchmark da bolsa brasileira fechou com ganhos de 1,71%, aos 80.000 pontos – máxima desde 7 de agosto, quando estava em 80.347 pontos -, com o volume financeiro atingindo R$ 11,990 bilhões. Na máxima do dia, o índice subiu 1,84%, a 80.106 pontos. O dólar comercial, por sua vez, voltou a cair forte, recuando 0,79% nesta sessão, cotado a R$ 3,9943 na venda, seu menor patamar desde o dia 20 de agosto, quando estava em R$ 3,95.

O preço do petróleo tipo WTI subiu quase 1% após o secretário de energia dos Estados Unidos negar a liberação de reservas de emergência e limitar a alta dos preços. A commodity também reflete as expectativas em torno do impacto das sanções do país em relação à produção do Irã.

“Os pontos acima mencionados, combinados com maior conformidade da Opep com os cortes de produção, a diminuição estrutural da  produção venezuelana e restrições logísticas para o xisto dos EUA devem continuar a sustentar os preços do petróleo”, avalia o time de análise da XP Research. 

Ainda no exterior, a economia norte-americana cresceu 4,2%, em taxa anualizada, na leitura final do PIB (Produto Interno Bruto) referente ao segundo trimestre. O crescimento foi liderado por gastos do consumidor, exportações e gastos do governo federal e estadual. O resultado ficou em linha com as expectativas do mercado. Os gastos dos consumidores, um dos principais componentes do PIB, cresceu 3,8% no segundo trimestre.

Eleições no radar
Por aqui, o mercado digere ainda os novos dados de pesquisa eleitoral que mostra empate técnico entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) no primeiro turno e vitória do petista na segunda fase enquanto que, na última quarta, o dólar caiu com o mercado relevando o Ibope e repercutindo a Paraná Pesquisas. 

A dez dias do primeiro turno, Fernando Haddad (PT) voltou a crescer e agora está em situação de empate técnico com o deputado Jair Bolsonaro (PSL). É o que mostra pesquisa realizada pelo instituto Brasilis nos dias 25 e 26 de setembro, por encomenda da Genial Investimentos.

De acordo com o levantamento, Bolsonaro oscilou negativamente 3 pontos percentuais em relação à semana passada e agora tem 27% das intenções de voto. Já Haddad saltou de 17% para 22% no mesmo período, diminuindo para 5 pontos percentuais uma diferença que era de 13 pontos. Considerando a soma das margens de erro para cada candidato, o quadro é de empate técnico. 

Na simulação de segundo turno entre Bolsonaro e Haddad, o petista aparece à frente por diferença fora da margem de erro: 44% contra 36%. Uma semana atrás, os dois empatavam tecnicamente, com o deputado numericamente à frente com placar de 42% a 40%. Confira a pesquisa completa aqui.

Destaques de ações
As maiores altas, dentre as ações que compõem o índice Bovespa, foram:

 Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 GOLL4 GOL PN N211,60+6,42-20,5578,24M
 PETR4 PETROBRAS PN N221,46+6,29+33,892,15B
 CVCB3 CVC BRASIL ON43,13+5,30-9,7340,49M
 CYRE3 CYRELA REALTON11,15+5,09-12,2627,12M
 PETR3 PETROBRAS ON N224,50+4,88+45,46382,78M

As maiores baixas, dentre os papéis que compõem o índice Bovespa, foram:

 Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 BRAP4 BRADESPAR PN36,67-3,25+32,35137,21M
 CSAN3 COSAN ON32,42-1,70-19,6436,94M
 ABEV3 AMBEV S/A ON18,48-1,18-12,13478,78M
 SUZB3 SUZANO PAPELON47,40-1,17+154,84260,09M
 EGIE3 ENGIE BRASILON35,39-0,92+4,5853,17M

As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram:

 CódigoAtivoCot R$Var %Vol1Vol 30d1Neg 
 PETR4 PETROBRAS PN N221,46+6,292,15B1,06B94.657 
 VALE3 VALE ON59,48-0,881,22B761,00M39.738 
 ITUB4 ITAUUNIBANCOPN44,51+2,75636,57M471,47M34.624 
 ABEV3 AMBEV S/A ON18,48-1,18478,78M259,69M30.693 
 ITSA4 ITAUSA PN10,05+2,97427,12M180,19M37.185 
 BBDC4 BRADESCO PN29,22+2,28384,83M343,83M22.744 
 PETR3 PETROBRAS ON N224,50+4,88382,78M202,81M27.798 
 B3SA3 B3 ON EJ23,37+3,41329,56M166,35M33.901 
 SUZB3 SUZANO PAPELON47,40-1,17260,09Mn/d20.308 
 BBAS3 BRASIL ON30,30+2,89243,02M316,97M16.086 

* – Lote de mil ações
1 – Em reais (K – Mil | M – Milhão | B – Bilhão)
IBOVESPA

Quer investir com corretagem ZERO na Bolsa? Clique aqui e abra agora sua conta na Clear!

Compartilhe