Resumo da Bolsa

Ibovespa sobe 1% e fecha na máxima histórica com Moro na Justiça e exterior positivo

Na máxima do dia, índice chegou a  superar a marca de 89 mil pontos

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O Ibovespa chegou a acentuar os ganhos na tarde desta quinta-feira (1) e renova sua máxima histórica intraday, em 89.017 pontos, com o mercado reagindo ao anúncio de que o juiz Sérgio Moro será o ministro da Justiça de Jair Bolsonaro. Além disso, o dia positivo no exterior, puxado pela fala de Donald Trump em seu perfil no Twitter que as discussões com o presidente da China Xi Jinping “estão progredindo muito bem”, também favoreceu a bolsa.

O Ibovespa fechou com alta de 1,14%, aos 88.419 pontos, sua máxima histórica de fechamento. No maior valor do dia, o índice chegou a subir 1,82%. O volume financeiro, por sua vez, ficou em R$ 18,722 bilhões.  Com este desempenho, o índice encerrou a semana com ganhos acumulados de 3,15%.

Enquanto isso, o contrato de dólar futuro com vencimento em novembro teve queda de 0,70%, a R$ 3,705. Já o dólar comercial fechou com perdas de 0,76%, cotado a R$ 3,6943 na venda.

PUBLICIDADE

No âmbito político, os investidores acompanham com atenção a formação do governo de Jair Bolsonaro (PSL) que prevê uma reforma administrativa que unirá pastas em superministérios, situação que enfrenta resistência de diversos setores da economia, inclusive o capitaneado por Paulo Guedes.

O juiz federal Sérgio Moro aceitou o convite para ocupar o ministério da Justiça. Em um primeiro aspecto, a boa imagem que o magistrado tem junto à opinião pública e sua associação com uma das mais caras bandeiras atuais do país, a do combate à corrupção, pode dar ainda mais força à gestão do militar reformado entre o eleitorado, assim como o próprio mundo político na nova configuração do Congresso.

“Para o presidente eleito, é um golaço trazer para dentro do time a inconteste aprovação popular e a grife de honestidade de Sérgio Moro, o juiz que enfrentou o STF e atacou os poderosos corruptos”, avalia a equipe da XP Política.

Enquanto isso, as negociações para a aprovação de uma reforma da Previdência continuam. “Apesar da incerteza, o fato de estarmos discutindo a reforma da previdência na primeira semana do presidente eleito é positivo”, avalia a XP Research, que vê espaço para que o governo una frente de apoio no Congresso, que seria crucial para a aprovação das reformas.

Proteja-se das instabilidades: abra uma conta gratuita na XP, a melhor assessoria de investimentos do Brasil

Destaques da Bolsa

As maiores altas, dentre as ações que compõem o Índice Bovespa, foram:

PUBLICIDADE
 Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 PCAR4 P.ACUCAR-CBDPN83,46+6,70+7,26207,38M
 BBDC4 BRADESCO PN36,26+5,71+18,531,42B
 BBDC3 BRADESCO ON31,84+5,26+9,89136,46M
 TIMP3 TIM PART S/AON12,14+4,75-5,7376,18M
 GOLL4 GOL PN N219,25+4,62+31,85180,43M

As maiores baixas, dentre os papéis que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 BTOW3 B2W DIGITAL ON32,14-6,84+56,78212,75M
 CYRE3 CYRELA REALTON14,25-2,40+12,1440,55M
 CIEL3 CIELO ON12,91-2,20-41,31178,43M
 SUZB3 SUZANO PAPELON37,04-2,14+99,14171,75M
 LAME4 LOJAS AMERICPN18,40-2,13+8,42307,82M

As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram:

 CódigoAtivoCot R$Var %Vol1Vol 30d1Neg 
 PETR4 PETROBRAS PN N227,32-1,092,68B2,52B90.978 
 BBDC4 BRADESCO PN36,26+5,711,42B628,44M71.675 
 VALE3 VALE ON57,50+1,391,16B1,12B34.739 
 ITUB4 ITAUUNIBANCOPN ED49,94+1,43747,64M866,53M29.062 
 B3SA3 B3 ON27,44+3,39742,63M336,57M44.382 
 BBAS3 BRASIL ON43,38+1,47659,03M791,02M35.325 
 GGBR4 GERDAU PN16,42+0,98559,51M276,40M28.268 
 ABEV3 AMBEV S/A ON16,37+0,18364,01M382,45M28.230 
 PETR3 PETROBRAS ON N229,77-1,81319,25M417,58M16.322 
 LAME4 LOJAS AMERICPN18,40-2,13307,82M90,34M36.264 

* – Lote de mil ações
1 – Em reais (K – Mil | M – Milhão | B – Bilhão)
IBOVESPA