Fechamento

Ibovespa recua quase 3% e apaga ganhos da véspera; dólar dispara e supera os R$ 5

Nos Estados Unidos, índice Dow Jones teve sua maior queda desde 2020 e Nasdaq foi a mínima no ano

Por  Felipe Moreira -

A bolsa brasileira fechou em forte queda nesta quinta-feira (5), apagando os ganhos registrados na sessão anterior. O movimento baixista acompanhou o recuo dos principais índices dos EUA, pressionados pela queda das empresas de tecnologia, após resultados decepcionantes.

O índice havia subido 1,7% ontem, junto do salto das bolsas em Wall Street, após o presidente do banco central norte-americano, Jerome Powell, descartar uma alta de 0,75 ponto percentual por ora no juro dos Estados Unidos. A declaração veio na sequência do anúncio de elevação em 0,5 ponto, como esperado.

O Ibovespa caiu 2,81%, aos 105.304 pontos, após oscilar entre 103.923 e 108.336 pontos. O volume financeiro foi de R$ 31,7bilhões.

Apenas quatro ações do Ibovespa fecharam em alta. As ações da Metalúrgica Gerdau (GOAU4) e da Gerdau (GGBR4) que subiram, respectivamente, 3,63% e 2,33%, seguidas pelas ações da Suzano (SUZB3), com ganho de 2,69%. A Klabin subiu 1,17%.

As ações da Gerdau e da Suzano subiram após divulgação de seus respectivos balanços, que foram bem avaliados por algumas casas de análise.

As ações da Totvs (TOTS3) e da Magazine Luiza(MGLU3) foram os destaques negativos da sessão, recuando, respectivamente, 11,12% e 10,71%, seguidas das ações do Inter (BIDI11), com perdas de 9,36%.

As ações da Totvs recuaram forte após a publicação do balanço. Já as ações da Magalu passaram por um movimento de correção após saltarem mais de 7% na sessão anterior.

O dólar voltou a subir e ultrapassou a casa dos R$ 5,00, com aversão global ao risco e saída de capital estrangeiro do país. A moeda americana subiu 2,30%, a R$ 5,016, após oscilar entre R$ 4,933 e R$ 5,05.

No aftermarket, às 17h03, os juros futuros sobem forte: DIF23, +1,81 pp, a 13,24%; DIF25, +3,5 pp, a 12,34%; DIF27, +3,09 pp, a 12,18%; DIF29, +2,76 pp, a 12,27%.

Em Wall Street, as bolsas recuaram acentuadamente, apagando completamente o rali da sessão anterior em uma reversão impressionante. O Dow Jones registrou o pior desde 2020.

As ações de e-commerce foram uma importante fonte de fraqueza nesta quinta-feira, após alguns relatórios trimestrais decepcionantes.

O índice Dow Jones recuou 3,11%, aos 33.001 pontos. O S&P 500 caiu 3,55%, aos 4.147 pontos, enquanto o Nasdaq teve baixa de 4,99%, aos 12.317 pontos.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe