Comentário diário

Ibovespa passa a cair forte com JBS e BRF desabando e virada de Vale e Petrobras para baixo; dólar cai

O  noticiário corporativo é movimentado com frigoríficos 

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O Ibovespa abriu em alta, mas diminuiu fortemente os ganhos e agora registra fortes perdas, superiores a 1%, em meio ao noticiário corporativo bastante movimentado, com destaque para a pressão da JBS e BRF, que despencam após a deflagração da Operação Carne Fraca. As ações da Vale e da Petrobras também registram baixa, de cerca de 2%; já o dólar futuro com vencimento em abril segue em baixa, de 0,51%, a R$ 3,118. Às 13h15  (horário de Brasília), o índice registra queda de 2,14%, a 64.405 pontos. 

Nesta sessão, o mercado ficou ainda de olho em dois dados dos EUA, de produção industrial dos EUA e a confiança do consumidor de Michigan, mas que foram ofuscados pelo noticiário de empresas. A produção industrial dos Estados Unidos ficou estável em fevereiro ante janeiro, no cálculo com ajuste sazonal, segundo dados publicados hoje pelo Federal Reserve (Fed, o banco central americano). Analistas consultados pelo The Wall Street Journal previam alta de 0,2%. Já o índice de sentimento do consumidor dos Estados Unidos elaborado pela Universidade de Michigan caiu de 96,3 em fevereiro para 97,6 na leitura preliminar de março. O número ficou acima da expectativa dos analistas consultados pelo Wall Street Journal, que previam o indicador a 97,5.

Os investidores acompanham ainda a reunião do G-20, onde se encontrarão as principais autoridades econômicas do mundo. 

Destaques da Bolsa

O noticiário corporativo, por sua vez, ganha destaque, com atenção para os frigoríficos como JBS e BRF, com a deflagração da operação Carne Fraca da Polícia Federal em que eles são alvos.  A operação investiga envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) em um esquema de liberação de licenças e fiscalização irregular de frigoríficos.   

No mercado de commodities, o petróleo ensaia alta semanal com queda dos estoques americanos e sauditas preparando novos cortes de produção: o petróleo WTI avança 0,76% nesta sessão, a US$ 49,12 o barril. Já o minério de ferro tem leve baixa após cinco altas seguidas em Dalian; zinco e outros metais avançam em Londres. 

As ações da Estácio registram queda de cerca de 3%, em meio à notícia do Valor de que a fusão entre Kroton e Estácio enfrenta mais obstáculos. De acordo com o jornal, além do duro desafio de convencer os representantes do tribunal do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), a líder do setor enfrenta outro imbróglio. Segundo o jornal, o conselho da Estácio abriu uma investigação para apurar uma denúncia anônima dando conta de que seu presidente, Pedro Thompson, estaria articulando contra a fusão. O executivo foi afastado do grupo de trabalho que negocia os termos da associação com a Kroton no Cade, segundo fontes a par do assunto ouvidas pelo jornal. As ações da Kroton, por sua vez, caem cerca de 2,5%. 

Em nota, a Estácio disse não ter acesso aos documentos da reportagem e refutou a informação de que membros da administração conspirem contra a fusão. 

As maiores baixas dentre as ações que compõm o Ibovespa são:

C?d.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 JBSS3 JBS ON11,05-7,84-3,0787,23M
 BRFS3 BRF SA ON36,93-7,68-23,46297,40M
 SMLE3 SMILES ON61,23-3,71+36,9822,09M
 RENT3 LOCALIZA ON EJ41,90-3,61+23,0123,89M
 ESTC3 ESTACIO PARTON15,43-3,20-2,3415,79M

PUBLICIDADE

As maiores altas dentre as ações que compõm o Ibovespa são:

C?d.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
 HYPE3 HYPERMARCAS ON29,16+1,07+13,9555,51M
 WEGE3 WEG ON16,98+0,65+9,969,65M
 SANB11 SANTANDER BRUNT31,92+0,54+12,749,81M
 RADL3 RAIADROGASILON56,74+0,42-7,2721,00M
 RAIL3 RUMO S.A. ON8,91+0,34+45,1115,24M
* – Lote de mil a??es
1 – Em reais (K – Mil | M – Milh?o | B – Bilh?o)