Abertura

Ibovespa Futuro sobe com cessão onerosa apesar de incertezas no exterior e racha no PSL

Mercado ignora tensão comercial e aumento da indefinição política com o racha do presidente e seu partido

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O Ibovespa Futuro abre em leve alta nesta quarta-feira (16) com os investidores animados pela aprovação unânime da cessão onerosa na véspera, o que deixa o caminho livre para a votação da reforma da Previdência no dia 22.

Por outro lado, as tensões no cenário externo somam-se ao aumento dos riscos no ambiente político daqui. Só piora o racha entre o presidente Jair Bolsonaro e o PSL, tornando insustentável a permanência do chefe do Executivo na sigla.

Às 9h41 (horário de Brasília) o contrato futuro do Ibovespa para outubro, em último dia de negociação, subia 0,41% a 104.490 pontos. Já o contrato futuro do Ibovespa para dezembro, que será a referência a partir de amanhã, tem alta de 0,3% a 105.350 pontos.

PUBLICIDADE

O dólar futuro para novembro caía 0,12% a R$ 4,180.

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2021 recua um ponto-base a 4,62% e o DI para janeiro de 2023 tem queda de dois pontos-base a 5,62%.

O tensionamento das relações de Bolsonaro com o PSL já começam a ter consequências práticas no Congresso. Ontem, o delegado Waldir (GO), que é o líder do PSL na Câmara, chegou a convocar uma obstrução contra a Medida Provisória da reforma administrativa, mas acabou derrotado.

Lá fora, as vendas do varejo nos Estados Unidos caíram 0,3% em setembro na comparação mensal, bem abaixo da expectativa mediana apontada pelo consenso Bloomberg, que era de expansão de 0,3%. No mês anterior, as vandas do varejo no país haviam aumentado em 0,4%.

Os investidores também monitoram o desenvolvimento das conversas entre o Reino Unido e União Europeia para o fechamento de um acordo para o Brexit.

Além disso, novidades nada positivas surgiram no campo da guerra comercial. A China prometeu contra-atacar os EUA caso o Congresso americano aprove um projeto que favorece os manifestantes de Hong Kong.

PUBLICIDADE

Destaque ainda para a cotação do minério de ferro, que está desabando na China. A tonelada do minério à vista com 62% de pureza no porto de Qingdao cai 5,53% a US$ 87,86.

Bolsas Internacionais

As bolsas europeias passaram a operar de forma mista, com queda em Londres após as negociações para o Brexit atingirem um obstáculo no último dia de negociações entre o Reino Unido e a União Europeia, antes de uma cúpula crucial no final desta semana.

A intenção do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, é tentar fechar a negociação com o bloco antes da reunião de líderes europeus prevista para o final desta semana. A imprensa britânica chegou a reportar que as duas partes estariam chegando a um consenso e que um projeto de acordo poderia ser publicado hoje se os detalhes forem finalizados.

No entanto, segundo a CNBC, diplomatas da UE não identificados paralisaram as negociações no ponto de um acordo comercial e nas cláusulas de concorrência justa. Além disso, houve um acirramento da oposição ao acordo proposto pelo Partido Sindicalista Democrático (DUP) da Irlanda do Norte.

O primeiro-ministro irlandês, Leo Varadkar, também confirmou que ainda existem questões pendentes, particularmente em torno da Irlanda do Norte, que “ainda precisam ser resolvidas” e que as conversas podem levar mais tempo.

Noticiário corporativo

A Petrobras anunciou nesta terça-feira (15) a assinatura de cartas de intenção com duas empresas asiáticas para o afretamento de duas plataformas do tipo Unidade Flutuante de Produção, Armazenamento e Transferência (do inglês FPSO). As unidades vão integrar o projeto de desenvolvimento da produção da revitalização dos campos de Marlim e Voador (módulos 1 e 2), que ficam na Bacia de Campos. Segundo a Petrobras, a previsão para o início da produção é a partir de 2022. Juntos, os dois projetos poderão processar até 150 mil barris de petróleo por dia e 11 milhões de metros cúbicos diários de gás natural.

Já a MRV teve alta de 18,8% nas vendas líquidas do terceiro trimestre. A companhia teve vendas de R$ 1,395 bilhão de julho ao fim de setembro, enquanto os distratos recuaram para R$ 95 milhões, ante R$ 279 milhões no terceiro trimestre do ano passado. Na comparação com o período de abril a junho deste ano, os distratos caíram 22%.

A Renova Energia, por sua vez, entrou com pedido de recuperação judicial, que foi aprovado pelo conselho de administração e ajuizado junto à Comarca da Capital do Estado de São Paulo em caráter de urgência, disse a companhia em fato relevante. Estão contempladas obrigações de cerca de R$ 3,1 bi totais, sendo R$ 11,7 mi no âmbito trabalhista e R$ 3,1 bi para bancos (com e sem garantia real) e demais credores quirografários e
micro e pequena empresas. O plano de recuperação judicial será apresentado a assembleia geral de credores “dentro dos prazos legais previstos”.

PUBLICIDADE

A Renova cita entra as razões para sua crise as dificuldades de caixa que impediram a conclusão do projeto eólico Alto Sertão III, paralisado desde 2016, e tentativas frustradas de alienação de ativos relevantes, segundo cópia do pedido de recuperação. Ontem à noite, a Light informou que concluiu a venda da totalidade de suas ações na Renova Energia para o CG I Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia.

A Yduqs, ex-Estácio, prestou esclarecimento sobre notícia de que estaria em fase final de negociação para compra da dona da Ibmec. “Até o momento, nenhuma decisão foi tomada a respeito de uma possível transação”, disse a empresa. A companhia afirmou que um de seus pilares estratégicos é crescer via aquisições e, por isso, está em tratativas com diversos grupos educacionais, dentre eles o grupo Adtalem, sobre seus ativos no Brasil.

A CCR anunciou o pagamento de R$ 940 milhões em dividendos. O valor corresponde a R$ 0,46534653466 por ação ordinária e o pagamento será feito a partir de 31 de outubro.
Em nota, a empresa informou que terão direito ao provento os investidores com ações CCRO3 no dia 18 de outubro, ou seja, os papéis passam a operar “ex-dividendos” a partir de 21 de outubro.

Invista contando com a melhor assessoria do mercado: abra uma conta gratuita na XP.