Fechamento

Ibovespa fecha em queda de 1,3% com bancos e exterior, mas fica estável na semana; dólar salta 3,7% em 5 dias

Mercado termina a sessão com perdas em meio a tensões EUA-China e teto para juros das instituições financeiras

SÃO PAULO – O Ibovespa fechou em queda nesta sexta-feira (7) pressionado por bancos e pelas preocupações no cenário internacional em meio aos ataques do presidente americano Donald Trump a empresas chinesas. Na semana, contudo, a Bolsa ficou praticamente estável, com leve variação negativa de 0,05%.

Por aqui, a aprovação no Senado com o teto dos juros dos bancos voltou a prejudicar as empresas do setor apesar do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), sinalizar que não deve colocar em votação na Casa o projeto aprovado pelos senadores. Para mais destaques de ações clique aqui.

No exterior, Wall Street fechou com as bolsas praticamente estáveis enquanto investidores viram as negociações pelo pacote de estímulos contra o coronavírus continuarem em impasse e as tensões entre Estados Unidos e China crescendo.

PUBLICIDADE

Trump assinou ordens executivas proibindo os residentes dos EUA de realizarem negócios com os proprietários dos aplicativos WeChat e TikTok. O banimento é válido por 45 dias e foi feito com a justificativa de que os dados pessoais dos americanos estão expostos.

Por outro lado, o Relatório de Emprego dos Estados Unidos mostrou dados melhores que os esperados, contrariando as preocupações que se instalaram depois do ADP da última quarta-feira (5).

Por aqui, a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) teve alta de 0,36% em julho na comparação mensal, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A expectativa mediana dos economistas compilada no consenso Bloomberg era de alta de 0,35% na base de comparação mensal e de 2,30% na comparação anual.

Hoje, o Ibovespa caiu 1,30% a 102.775 pontos com volume financeiro negociado de R$ 29,015 bilhões.

Enquanto isso, o dólar comercial subiu 1,31% a R$ 5,4113 na compra e a R$ 5,4126 na venda. A moeda dos EUA se valorizou em 3,72% ante o real na semana. Já o dólar futuro para setembro tem alta de 1,81% a R$ 5,435 no after-market.

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2022 subiu 10 pontos-base a 2,66%, o DI para janeiro de 2023 teve variação positiva de 13 pontos-base a 3,75% e o DI para janeiro de 2025 avançou 15 pontos-base a 5,40%.

PUBLICIDADE

Entre os indicadores econômicos da Ásia, o saldo comercial da China subiu inesperadamente em julho para US$ 62 bilhões, após surpresas com alta das exportações e queda das importações. As exportações da China aumentaram em julho com fortalecimento da demanda global e embarques aos EUA.

E no Brasil, a temporada de balanços vai mostrando como a pandemia da Covid-19 afetou as empresas. A construtora Tenda registrou recuo de 45% no lucro e a Multiplan, de 39%. Já a Valid apresentou prejuízo.

Auxílio emergencial

O secretário do Tesouro Nacional, Bruno Funchal, admitiu a possibilidade de o governo estender novamente a duração do auxílio emergencial. Segundo ele, essa decisão será política e dependerá da situação da economia e a discussão deve ocorrer ainda neste mês.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, defende desde o começo do programa que o valor concedido seja de R$ 200, mas a tese foi vencida após pressões do Congresso e quantia subiu para R$ 600. Na equipe econômica, a sugestão é de novamente cortar o valor do benefício.

Reeleição no Senado

A possibilidade de reeleição dos presidentes da Câmara e do Senado, hoje proibida, pode ser avaliada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), segundo reportagem do jornal “Folha de S.Paulo”.

A estratégia em andamento é fazer com que o STF considere que dentro de uma mesma legislatura seja aplicado o entendimento que permitiu a reeleição para presidente da República, ou seja, que seja autorizado um segundo mandato consecutivo.

Radar corporativo

E na sequência da temporada de balanços, a construtora Tenda registrou um lucro líquido de R$ 40,3 milhões no segundo trimestre do ano, um recuo de 45% na comparação com o mesmo período do ano passado.

O mesmo ocorreu com a administradora de shoppings Multiplan, que viu o lucro cair 39% no comparativo anual, para R$ 70,8 milhões.

PUBLICIDADE

Já a Valid registrou prejuízo de R$ 148,1 milhões entre abril e junho de 2020, ante um lucro de R$ 6,3 milhões no segundo trimestre de 2019.

O setor bancário deve continuar sob pressão após o Senado aprovar o projeto de lei que estabelece um teto para taxas de juros de cheque especial e cartão de crédito enquanto durar o estado de calamidade pública por conta da pandemia da Covid-19.

O projeto, que segue agora para a Câmara dos Deputados, limita os juros para o crédito rotativo do cartão de crédito e todas as demais modalidades de crédito ofertadas por meio de cartões de crédito e da linha de crédito do cheque especial a 30% ao ano durante o estado de calamidade pública.

No caso das sociedades de crédito financiamento e investimento e as sociedades de crédito direto, o teto fixado pelo texto é de 35% ao ano. Contudo, conforme informa o jornal O Globo, os bancos confiam que o projeto não vai vingar na Câmara, porque Rodrigo Maia é contra.

Maiores altas

AtivoVariação %Valor (R$)
HGTX37.3071715.86
RAIL32.4593823.33
BRFS32.327722.42
TIMP31.4473715.42
PCAR30.9208467.95

Maiores baixas

AtivoVariação %Valor (R$)
CIEL3-6.255.25
BRML3-4.2402810.84
YDUQ3-3.5949732.18
MULT3-3.4307522.8
GOLL4-3.387117.97

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) não tem preferência sobre outros credores no plano de recuperação judicial da operadora Oi, que se arrasta desde 2016.

A Oi deve à Anatel mais de R$ 11 bilhões relativos a multas e outras penalidades.

O STJ considerou que os créditos reivindicados pela Anatel têm natureza administrativa e, portanto, não podem ter o tratamento prioritário destinado aos créditos tributários.

A varejista de material de construção Quero-Quero levantou R$ 2,2 bilhões em sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). O preço da ação foi fixado em R$ 12,65, no centro da faixa indicativa de 11,30 a 14 por ação, segundo informações publicadas no site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

PUBLICIDADE

Foram vendidas 154.300.318 ações pela gestora norte-americana de fundos de private equity Advent International é vendedora na oferta secundária. Na primária, em que os recursos vão para o caixa, a oferta foi de 22.123.894 ações.

Também foi finalizado o IPO da d1000, braço no varejo farmacêutico da Profarma. A companhia levantou R$ 400,1 milhões que serão investidos na expansão da rede.

Aprenda a fazer trades com potencial de ganho de R$ 50 a R$ 500 operando apenas 10 minutos por dia: inscreva-se gratuitamente na Semana dos Vencedores