Fechamento

Ibovespa fecha em leve alta e dólar cai com inflação nos EUA e acordo comercial

Mercado consegue engatar segunda alta consecutiva em meio a expectativas sobre trégua entre EUA e China

ações bolsa gráfico índices mercado trader alta
(Shutterstock)
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Ibovespa fechou em leve alta nesta terça-feira (14), perdendo força no período da tarde após notícias de que os Estados Unidos não irão cortar as tarifas contra produtos chineses antes das eleições presidenciais apesar do acordo comercial que deve ter sua primeira fase assinada amanhã. Por outro lado, os EUA retiraram a China da classificação de “manipuladora da moeda”, mostrando boa vontade para com o país.

O Ibovespa registrou leve alta de 0,26% a 117.632 pontos com volume financeiro negociado de R$ 20,691 bilhões.

A Bolsa abriu a sessão em queda com uma correção depois da forte alta da véspera, mas virou com a força da Vale (VALE3). Os acionistas da mineradora se animaram com os dados da balança comercial chinesa, que mostraram avanço nas importações do gigante asiático. As compras de minério de ferro pelos chineses subiram 11,7% em dezembro na base de comparação mensal.

Aprenda a investir na bolsa

Enquanto isso, o dólar comercial caiu 0,27% a R$ 4,1306 na compra e a R$ 4,1313 na venda, foi a primeira queda em quatro sessões. O dólar futuro com vencimento em fevereiro registra baixa de 0,37% a R$ 4,1365. O câmbio refletiu os dados de inflação nos EUA.

O  Índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês) aumentou 0,2% na comparação mensal, abaixo dos 0,3% esperados pelos economistas. O núcleo da inflação teve uma alta de 0,1%. O indicador mais fraco que as expectativas pode levar os membros do Federal Reserve a considerarem reduzir juros ou pelo menos não subir em um futuro próximo.

No mercado de juros futuros o DI para janeiro de 2022 cai nove pontos-base a 5,08%, o DI para janeiro de 2023 tem queda de 10 pontos a 5,63% e o DI para janeiro de 2025 registra perdas de nove pontos-base a 6,36%.

Por aqui, o governo aumentou para 2,4% a previsão de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2020. A projeção anterior era de 2,32%. Já a expectativa para a inflação aumentou para 3,62%.

Entre os indicadores, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a Pesquisa Mensal de Serviços. O setor teve um recuo de 0,1% em novembro na comparação mensal. Na base anual os serviços cresceram 1,8%, abaixo dos 2% projetados pelo consenso Bloomberg.

Sobre a guerra comercial, o jornal South China Morning Post publicou que o conflito “ainda não acabou”. Para o periódico, a assinatura da primeira fase do acordo será como “o primeiro round de um jogo”, informa a CNBC News.

PUBLICIDADE

Outro destaque no exterior é a temporada de resultados. O JP Morgan teve um crescimento de 21% no seu lucro do quarto trimestre. Citigroup e Wells Fargo deverão publicar seus resultados antes da abertura de Wall Street.

Noticiário corporativo 

A Cemig informou na noite de ontem que pagou R$ 44,7 milhões na participação de 49% que a Eletrobras tinha na Companhia de Transmissão Centro-Oeste de Minas Gerais (Centroeste). Já a empresa de comércio eletrônico B2W comunicou que comprou a totalidade das ações da Supermercado Now, uma plataforma de vendas dos supermercados pela internet.

Já a Petrobras disse que há vazamento de gás em plataforma de Pampo; empresa diz que reparo está sendo realizado e que plataforma voltará a operar amanhã.

Maiores altas

AtivoVariação %Valor (R$)
VVAR34.6456713.29
ECOR34.0240217.32
CCRO33.6065618.96
KLBN112.7872921.02
CSAN32.6828676.93

Maiores baixas

AtivoVariação %Valor (R$)
GOAU4-2.4038510.15
GGBR4-2.197821.36
CSNA3-1.7252814.81
LREN3-1.6960857.38
ELET3-1.6169239.55

Quer investir melhor o seu dinheiro? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos