Bovespa

Ibovespa caminha para fechar pregão em alta próxima a 1,5%

Dado sobre criação de emprego nos EUA em novembro sustenta otimismo por parte do mercado

*Atualizado às 16h38 (horário de Brasília)

SÃO PAULO – Em um pregão marcado por otimismo, o Ibovespa caminha para encerrar o dia com alta de cerca de 1,5%. Por volta das 16h35 (horário de Brasília) o índice registrava ganhos de 1,52%, aos 58.534 pontos.

Mais cedo o principal índice de ações da bolsa chegou a perder força logo após John Boehner, líder republicano da Casa dos Representantes, destacar que nenhum progresso para evitar o abismo fiscal foi feito nesta semana. Mas dados sobre a criação de postos de trabalho nos EUA em novembro roubam a cena e animam o mercado.

O número de novos postos de trabalho alcançou 146 mil, muito acima dos 90 mil estimados, segundo projeções compiladas pelo portal norte-americano Briefing.com. A taxa de desemprego, cujas estimativas rondavam os 8%, despencou para 7,7%, a menor desde dezembro de 2008. 

Inflação acelera e Alemanha cresce menos
Por aqui, o destaque fica por conta do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), que mostrou inflação de 0,60% em novembro, acima das expectativas de 0,50% do mercado. Em outubro, a alta nos preços foi de 0,59%, informou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)

Na Europa, o noticiário também não é positivo. A Alemanha volta a dar sinais de fragilidade, após o Bundesbank – banco central alemão – reduzir sua projeção de alta do PIB (Produto Interno Bruto) em 2013, de 1,6% para 0,4%. A maior economia da Europa deve crescer 0,7% este ano, abaixo da previsão anterior de 1%.

Já na China, as siderúrgicas produziram uma média de 1,96 milhão de toneladas de aço por dia entre 21 e 30 de novembro, um aumento de 0,42% sobre os 10 dias anteriores.