AO VIVO Por Dentro dos Resultados: Alpargatas (ALPA4) - os detalhes do resultado da empresa em 2020 em entrevista ao vivo com CEO

Por Dentro dos Resultados: Alpargatas (ALPA4) - os detalhes do resultado da empresa em 2020 em entrevista ao vivo com CEO

Comentário diário

Ibovespa avança mais de 400 pontos puxado por disparadas de Vale e Petrobras

BC reduz volume de leilão de swaps reversos após câmbio passar dos R$ 3,30 mas dólar tem leves ganhos

SÃO PAULO – O Ibovespa sobe quarta-feira (14) impulsionado por Vale e Petrobras. A Bolsa firmou alta após a queda de 559 mil barris nos estoques de petróleo, segundo dados da EIA (Energy Information Administration). A expectativa mediana dos economistas era de aumento de 2,77 milhões de barris. Após a divulgação do indicador, a Petrobras (PETR3; PETR4) passou a subir com força. Ainda no radar, o ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, foi denunciado por procuradores da Lava Jato. 

Às 14h38 (horário de Brasília), o Ibovespa subia 0,84%, a 57.300 pontos. Já o dólar comercial sobe 0,30% a R$ 3,3266 na venda, enquanto o dólar futuro para outubro tem alta de 0,39% a R$ 3,343. 

A disparada do dólar ontem fez com que o Banco Central mudasse sua estratégia em relação aos leilões de swap diários. Com a moeda norte-americana subindo mais de 2% e fechando acima de R$ 3,30, a autoridade monetária acabou ofertando 5.000 swaps reversos hoje, metade do número de contratos ofertados diariamente até agora. O leilão acabou com todos os swaps reversos colocados. 

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2018 opera em queda de 7 pontos-base a 12,62%, ao passo que o DI para janeiro de 2021 vira para baixa de 7 pontos-base a 12,18%. 

Coletiva da PF
A Operação Lava Jato denunciou formalmente nesta quarta o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sua esposa Marisa Letícia, o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, o empresário Léo Pinheiro, da OAS, dois funcionários da empreiteira e outros dois investigados. Os outros quatro nomes são: Paulo Gordilho, Agenor Franklin Magalhães Medeiros, Fábio Hori Yonamine, Roberto Moreira Ferreira

Segundo as investigações do MPF e da Polícia Federal, Lula foi beneficiado com benfeitorias, obras e reformas, realizadas pela OAS, uma das empreiteiras envolvidas no esquema de corrupção da Petrobras. O triplex foi reservado pela OAS, mas acabou recusado por Lula depois da imprensa tratar do imóvel.

Para a Lava Jato, as reformas no apartamento e no sítio configuraram vantagens indevidas, recebidas de empresas envolvidas no esquema de corrupção investigado pela Operação.

Destaque ainda para o depoimento do ex-presidente da empreiteira OAS, José Adelmário Pinheiro Filho, conhecido como Léo Pinheiro, investigado na Operação Lava Jato. Ele disse que está disposto falar “tudo o que sabe”. Pinheiro voltou a prestar depoimento ao juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba. Na primeira vez, ele permaneceu em silêncio diante de Moro. No depoimento, Pinheiro confirmou que participou de uma reunião com o ex-senador Gim Argello para discutir como barrar as investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, encerrada em 2009. Na época, a comissão apurava suspeitas de desvios de recursos na estatal e buscava a convocação de empreiteiros ligados à estatal.

Ações em destaque
As ações da Petrobras (PETR3, R$ 15,01, +1,35%; PETR4, R$ 13,20, +1,46%) disparam apesar do petróleo voltar a cair com mais força. No mercado internacional, o contrato futuro do Brent recua 1,87% a US$ 46,69 o contrato futuro do barril, enquanto o barril do WTI (West Texas Intermediate) cai 2,14% a US$ 43,94. No radar, houve uma queda de 559 mil barris na semana passada nos estoques de Cushing, Oklahoma (EUA), segundo dados da EIA. O número se seguiu a uma redução de 14,5 milhões barris na semana anterior. A expectativa mediana dos economistas era de aumento de 2,77 milhões de barris. 

PUBLICIDADE

As maiores altas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód.AtivoCot R$% Dia
 BRAP4 BRADESPAR PN9,95+5,07
 VALE5 VALE PNA14,30+3,47
 VALE3 VALE ON16,82+3,38
 CIEL3 CIELO ON32,76+2,54
 CSNA3 SID NACIONALON8,32+2,21

 

 

As ações da Vale (VALE3, R$ 16,82, +3,38%; VALE5, R$ 14,31, +3,55%) e siderúrgicas têm pregão de correção após forte queda na véspera. Analistas da Upside Investor comentaram ontem, durante o programa Comprar ou Vender, que a derrocada poderia abrir uma janela de oportunidade para o investidor colocar esses papéis e os da Vale em carteira (confira a análise completa clicando aqui). Em relatório matinal desta quarta-feira, Pedro Galdi, da Upside Investor reforçou sua visão: “pacote de infraestrutura é benefíco para a Gerdau e queda do preço da ação ontem foi exagerada”. 

As maiores baixas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód.AtivoCot R$% Dia
 QUAL3QUALICORP ON20,00-4,31
 KROT3KROTON ON14,60-1,68
 ECOR3ECORODOVIAS ON8,36-1,65
 SMLE3SMILES ON49,87-1,54
 SUZB5SUZANO PAPELPNA10,48-1,50

 

Entre as quedas na sessão estão as ações de empresas do setor educacional. Estácio (ESTC3, R$ 18,02, -0,66%) e Kroton (KROT3, R$ 14,59, -1,75%) caem forte. 

Produção industrial da zona do euro
A produção industrial da zona do euro diminuiu 1,1% em julho ante junho, considerando-se ajustes sazonais, segundo dados publicados hoje pela agência de estatísticas da União Europeia, a Eurostat. Na comparação anual, a produção do bloco recuou 0,5% em julho. Analistas consultados pelo The Wall Street Journal previam queda mensal um pouco menor em julho, de 1%, e redução anual maior, de 0,8%. Os dados de produção de junho foram revisados, para ganho de 0,8% em relação a maio e acréscimo anual de 0,7%. 

PUBLICIDADE

“Centrão” se articula com PT
Enfraquecido pela queda de seu principal líder e fundador, o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) — cassado pelo plenário na última segunda-feira –, e pela derrota na presidência da Câmara para Rodrigo Maia (DEM-RJ), o “centrão” articula uma aproximação com a atual oposição para recuperar maior relevância na casa. O grupo composto por 13 partidos, liderados por PP, PSD e PTB costura um acordo com PT, PDT e PCdoB com o objetivo de voltar à presidência da Câmara em fevereiro de 2017. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

A estratégia do bloco, que busca fazer frente à antiga oposição liderada pelo PSDB, pode trazer prejuízos ao governo Michel Temer. Conta a reportagem que, em troca do apoio, o “centrão” teria que acenar com discurso que poderá estar do lado da oposição na defesa de mudanças em pautas econômicas importantes, como o teto de gastos públicos e a reforma da Previdência. As expectativas são de que as articulações se intensifiquem após eleições municipais.

Meirelles se reuniu com governadores
Além disso, destaque para a questão fiscal. Governadores de pelo menos 14 estados do Norte, do Nordeste e do Centro-Oeste ameaçaram decretar situação de calamidade financeira, caso o governo federal não conceda a ajuda de R$ 7 bilhões para repor as perdas com os repasses federais. Por cerca de duas horas e meia, eles se reuniram ontem com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e pressionaram pela concessão de um auxílio para compensar a queda de receitas.

    Cenário externo
    Após dois dias de forte queda que eliminaram cerca de US$ 2 trilhões de valor das ações globais na última semana, as bolsas mundiais têm uma sessão de alívio nesta quarta-feira. Contudo, os mercados seguem de olho na atuação dos Bancos Centrais, com destaque para a reunião do Fomc (Federal Open Market Committee) na semana que vem. O discurso dos presidentes regionais do Fed ganharam destaque nos últimos dias, com atenção especial à fala de Lael Brainard, que reduziu as expectativas por alta de juros na próxima reunião.