Ações

Ibovespa abre em queda e devolve parte dos ganhos da véspera

Temporada de balanços e IPCA de outubro são os destaques por aqui; no exterior, investidores reagem a reeleição de Obama

SÃO PAULO – Depois da forte alta da véspera, a bolsa brasileira devolve parte dos ganhos e abre o pregão desta quarta-feira (7) em campo negativo. Por volta de 10h20 (horário de Brasília), o Ibovespa recuava 0,60%, aos 59.101 pontos.

Dentre os papéis que são negociados nesta manhã, destaque para Eletropaulo PN N2 (ELPL4, R$ 15,66, -3,87%), B2W Varejo ON (BTOW3, R$ 10,40, -2,35%), Eletrobras PNB (ELET6, R$ 15,04, -1,96%), Eletrobras ON (ELET3, R$ 10,70, -1,83%) e Usiminas PNA (USIM5, R$ 10,81, -1,46%).

O principal índice da bolsa paulista fechou o pregão de terça-feira em alta de 2,15%, atingindo 59.458 pontos e registrando uma alta acumulada no ano de 4,76%. O volume financeiro foi de R$ 6,23 bilhões. 

Vitória de Obama
No ambiente internacional, os investidores reagem a reeleição do presidente norte-americano, Barack Obama. O democrata derrotou o adversário republicano, Mitt Romney ao conseguir 303 delegados no colégio eleitoral na terça-feira, contra 270 necessários para a vitória. Romney conquistou 206 delegados. Agora, com mais quatro anos na Casa Branca, o primeiro desafio de Obama será evitar que o país caia em nova recessão por conta do chamado “abismo fiscal”. 

Safra de balanços
Por aqui, a temporada de balanços corporativos continua a todo vapor, com números do terceiro trimestre da: Cosan (CSAN3), Multiplan (MULT3), Multiplus (MPLU3), Eternit (ETER3), Valid (VLID3), Ultrapar (UGPA3) e as empresas do grupo de Eike Batista – LLX (LLXL3) e MMX (MMXM3).

Do lado econômico, a agenda está recheada de indicadores de inflação, entre eles, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) que registrou leve aceleração para 0,59% em outubro. O Banco Central revelará ainda o fluxo de câmbio semanal.

Aval grego
Na Grécia, o governo de coalizão do primeiro-ministro, Antonis Samaras, enfrenta um duro teste nesta quarta. Em meio à terceira greve geral em seis semanas, os líderes gregos buscam a aprovação do Parlamento para medidas de austeridade. O aval dos legisladores é o primeiro dos votos parlamentares para a liberação de uma fatia de 31 bilhões dos credores internacionais.

No continente europeu, o discurso da chanceler alemã, Angela Merkel, ao Parlamento Europeu, bem como o pronunciamento do presidente do BCE (Banco Central Europeu), Mario Draghi, em Frankfurt, também estão entre as referências do dia.

Agenda internacional
Também no Velho Continente, as vendas no varejo da zona do euro caíram 0,2% em setembro, em termos de volume, ante agosto. Na Alemanha, a produção industrial caiu 1,8% em setembro, contra um mês antes. 

Nos EUA, além do tradicional relatório sobre os estoques de petróleo, será publicado o volume mensal de crédito ao consumidor.

PUBLICIDADE