Combinação de negócios

Hapvida (HAPV3) anuncia 11 de fevereiro como data efetiva para incorporação da Notre Dame (GNDI3) e procedimentos para acionistas

No dia 14 de fevereiro, as ações das empresas combinadas começam a ser negociadas sob o código “HAPV3”.

Por  Equipe InfoMoney

A Hapvida (HAPV3) e a Notre Dame Intermédica (GNDI3) anunciaram que o fechamento da fusão das companhias vai acontecer no próximo dia 11 de fevereiro. No mesmo dia, as ações da Notre Dame deixam de ser negociadas na Bolsa.

No dia 14 de fevereiro, as ações das empresas combinadas começam a ser negociadas sob o código “HAPV3”.

Cada acionista da Notre Dame vai receber, no dia 16 de fevereiro, 5,2436 ações da Hapvida por cada ação da companhia que detiverem. No dia 29 de março, os acionistas vão receber a parcela caixa no montante de R$ 5,1260 por ação.

Farão jus à operação os acionistas da Intermédica que estiverem registrados na base da companhia até o dia 11 de fevereiro.

Confira o cronograma: 

(i) 11 de fevereiro de 2022: encerramento da negociação das ações da GNDI na B3 e Data de Fechamento da Operação. Para os fins da Operação, serão considerados acionistas da GNDI (tanto para os fins da Operação como para fazer jus ao direito ao recebimento dos Dividendos Extraordinários declarados pela GNDI) aqueles que forem titulares de ações da GNDI no encerramento do pregão de 11 de fevereiro de 2022 (Data Base). O Fechamento da Operação ocorrerá nesta data, após o encerramento da negociação das ações da GNDI na B3.

(ii) 14 de fevereiro de 2022: início da negociação das Novas Ações Hapvida na B3.

(iii) 16 de fevereiro de 2022: crédito efetivo das Novas Ações Hapvida nas contas de custódia dos acionistas da GNDI.

(iv) 29 de março de 2022: pagamento pela GNDI aos acionistas da GNDI do valor correspondente aos Dividendos Extraordinários declarados pela GNDI.

(v) 29 de março de 2022: pagamento pela HapvidaCo (ou sua sucessora) aos acionistas da GNDI do valor final correspondente à Parcela Caixa.

Dividendos extraordinários

Na véspera, o  Conselho de Administração do Grupo Notre Dame Intermédica fixou o dividendo extraordinário a ser distribuído aos acionistas, conforme aprovado na assembleia geral extraordinária da Companhia realizada em 29 de março de 2021, no valor total de R$ 1 bilhão. Ele é correspondente a aproximadamente R$ 1,613026961 por ação de emissão da companhia.

A companhia informou que o pagamento está condicionado à consumação da combinação de negócios com a Hapvida e será realizado até 29 de março de 2022, com base na composição acionária da companhia no fechamento do mercado em 11 de fevereiro.

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a fusão entre Hapvida e NotreDame de forma definitiva no início de janeiro deste ano.

A fusão entre Hapvida e Intermédica resultará na criação de uma das maiores empresas provedoras de soluções de saúde verticalizadas do mundo.

“A combinação de negócios entre elas baseia-se em fundamentos estratégicos como a possibilidade de (i) integração da vasta gama de produtos e estruturas hospitalares; (ii) redução dos custos operacionais; e (iii) aproveitamento de potenciais sinergias decorrentes da complementariedade geográfica de atuação das duas companhias”, destaca em relatório a Levante Ideias de Investimentos.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe