Atacarejo

Grupo Mateus (GMAT3) lucra 208 milhões no 4º trimestre, alta de 7,6%

Vendas mesmas lojas subiram 1,4% no 4º trimestre de 2021; desaceleração se deve à alta base de comparação de um ano antes, de +21,3%

Por  Equipe InfoMoney

O Grupo Mateus (GMAT3) reportou um lucro líquido de R$ 208 milhões no balanço do quarto trimestre (4T21), um desempenho 7,6% acima do reportado um ano antes.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) somou R$ 309 milhões, uma alta de 6,9%, com uma margem ajustada de 7,0%, queda de 1 ponto porcentual.

O resultado financeiro do 4T21 totalizou R$ 12 milhões, com uma melhora de 14,7%, e representou 0,9% da receita líquida, em linha com o 0,8% observado no 4T20.

A receita líquida atingiu R$ 4,441 bilhões no 4º trimestre de 2021, representando um avanço de 22,2% na comparação com o mesmo período de 2020.

As vendas mesmas lojas avançaram 1,4% no último trimestre do ano passado, ante expansão de 21,3% de igual período de 2020 (-19,9 p.p.).

Apesar da desaceleração do crescimento, o número ficou acima das expectativas da companhia, dada a forte base de comparação de um ano antes.

No ano de 2021 como um todo, o crescimento em mesmas lojas foi de 4,1%.

O lucro bruto somou R$ 1,000 bilhão, alta de 17%, enquanto a margem bruta recuou 1,0 p.p., a 22,5%.

No 4T21, as despesas com venda representaram 15,1% da receita, contra 14,9% no 4T20, por conta do aumento da inauguração de 44 lojas durante o ano, com um expressivo crescimento da receita.

“Adicionalmente, as despesas foram impactadas pela alta inflação observada no período”, acrescentou.

Já as despesas administrativas representaram 2,2% da receita líquida, versus 2,9% no 4T20. A diferença é resultado, principalmente, da queda na linha de serviços prestados que, no 4T20, incluiu despesas relacionadas ao IPO.

No 4T21, o Grupo Mateus inaugurou 13 lojas e encerrou o trimestre com 202 lojas em operação, em linha com a meta de abertura entre 35 e 40 lojas no ano.

No 4T21, os investimentos totalizaram R$ 358 milhões, 61% a mais quando comparado ao 4T20.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe