Greenspan apóia Bush na redução de impostos

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

Durante a reunião da Comissão de Orçamento do Senado, ocorrida ontem, o diretor-presidente do FED (banco central norte-americano), Alan Greenspan, apoiou o presidente George W. Bush no projeto de corte de impostos nos Estados Unidos.

Em seu discurso, Greenspan não comentou sobre um possível corte na taxa de juros, que poderia ocorrer na próxima semana, durante a reunião do Comitê de Política Monetária do Federal Reserve. Apesar disso, analistas acreditam em um corte de 0,25 a 0,50 ponto percentual na taxa básica de juros, que atualmente se encontra fixada em 6,0%.

Alan Greenspan é um defensor da utilização dos superávits orçamentais para o pagamento da dívida pública antes de financiar a redução de impostos. Segundo ele, a redução de impostos é uma medida econômica de longo prazo, mas agora que há expectativas de um superávit federal maior que o esperado, suficiente para pagar a dívida e reduzir impostos, essa medida poderá ter um efeito muito benéfico já no curto prazo.

Compartilhe