Crise

Grécia recebeu 26,5 bi de euros em oferta de recompra até 6ª

Operação foi concebida para fornecer cerca de metade do pacote de 40 bilhões de euros de alívio de dívida para Atenas acertado no mês passado

BRUXELAS – A Grécia recebeu o total de 26,5 bilhões de euros (US$ 34,3 bilhões) em ofertas para sua recompra de dívida no fechamento dos negócios em 7 de dezembro, afirmou à Reuters uma autoridade sênior da zona do euro nesta segunda-feira (10), acrescentando que o preço foi de 33,4%. 

A Grécia estendeu sua oferta de recompra até terça-feira, buscando mais ofertas de seus detentores de títulos depois de ter ficado um pouco abaixo da meta para recolher títulos no valor de 30 bilhões de euros, a um custo de apenas 10 bilhões de euros.

A recompra foi concebida para fornecer cerca de metade do pacote de 40 bilhões de euros de alívio de dívida para Atenas acertado no mês passado pela União Europeia (UE) e pelo Fundo Monetário Internacional (FMI).

Seu sucesso é crucial para garantir que a dívida da Grécia seja colocada num passo sustentável e –mais imediatamente– para destravar a ajuda muito necessária para o país.

A oferta iria acabar na sexta-feira. A agência de dívida grega a estendeu para às 10h, horário de Brasília, de terça-feira.

“Estamos confiantes de que ainda há escopo para ofertas adicionais por investidores domésticos e internacionais para garantir uma recompra de dívida de sucesso”, disse o porta-voz da Comissão Europeia Simon O’Connor em Bruxelas.

Ministros das Finanças da zona do euro vão se reunir em Bruxelas para revisar a operação de recompra e divulgar formalmente o próximo desembolso de empréstimos à Grécia sob seu segundo programa de resgate internacional.