Governo argentino anuncia hoje valor do pacote de ajuda liderado pelo FMI

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

O governo argentino deve anunciar hoje o valor do pacote de ajuda ao país liderado pelo FMI. O anúncio será feito pelo presidente, Fernando De La Rúa, e pelo ministro da economia, José Luiz Machinea, às 16h00 de Brasília. Segundo informações do jornal argentino La Nación, um dos mais respeitados do país, o pacote deve superar US$ 35 bilhões, dos quais US$ 16 bilhões viriam do FMI, US$ 4 bilhões do Banco Mundial e do BID, US$ 1 bilhão do governo espanhol e cerca de US$ 10 bilhões de bancos locais. O prazo do empréstimo seria de dois anos.
O governo argentino procura com o pacote de ajuda tranqüilizar os investidores externos, diminuindo o risco país e as taxas internas de juros. As medidas serviriam para impulsionar o investimento e o consumo interno, fazendo a economia argentina retomar o ritmo de crescimento. O aumento da atividade econômica melhoraria a arrecadação fiscal, equilibrando as contas do governo. Por outro lado, o empréstimo aumenta ainda mais a dívida externa total do país.
Há rumores de que o presidente De La Rúa realizaria, após o acordo com o FMI, uma reforma ministerial com o objetivo de dar um “choque de confiança” no mercado. A Bolsa de Buenos Aires abriu o dia em alta de 1,04%, a 409,37 pontos.

Compartilhe