Gafisa (GFSA3) reverte lucro e tem prejuízo líquido de R$ 34 milhões no 1º tri

A receita líquida da empresa cresceu 49,8% no trimestre ante um ano antes e somou R$ 292,50 milhões.

Estadão Conteúdo

(Divulgação)

Publicidade

A Gafisa (GFSA3) encerrou o primeiro trimestre de 2023 com prejuízo líquido de R$ 34,02 milhões revertendo lucro líquido de R$ 115 mil apurado em igual período do ano anterior.

O Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado totalizou R$ 36,83 milhões entre janeiro e março de 2023, o que representa uma queda de 38,5% ante o registrado um ano antes. A margem Ebitda ajustada fechou em 12,6%, um recuo de 18,1 pontos porcentuais.

A receita líquida da empresa cresceu 49,8% no trimestre ante um ano antes e somou R$ 292,50 milhões.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

A companhia encerrou o trimestre com R$ 500 milhões em caixa e disponibilidades. A dívida líquida ficou em torno de R$ 1,144 bilhão entre janeiro e março deste ano, ante R$ 378,9 milhões de igual intervalo de 2022.

Estoque

A empresa encerrou o primeiro trimestre com estoque da ordem de R$ 2,2 bilhões. Desse total, os empreendimentos de alto e médio-alto padrão correspondem a 81%, sendo que 97% deles estão concentrados no Rio de Janeiro e em São Paulo. A empresa fechou março com um banco de terrenos de R$ 11,8 bilhões em Valor Geral de Vendas (VGV).