agronegócio

Faturamento do setor de produtos florestais cresce e chega a US$ 646 milhões em janeiro

No mesmo período, o saldo da balança comercial do setor foi de US$ 555 milhões, valor 23,1% maior na comparação com 2015, segundo dados da Indústria Brasileira de Árvores (Ibá)

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Em janeiro, as exportações de produtos florestais (celulose, painéis de madeira e papel) chegaram a  US$ 646 milhões, alta de  9,9% em relação ao mesmo período do ano passado, quando a receita foi de US$ 588 milhões. No mesmo período, o  saldo da balança comercial do setor foi de US$ 555 milhões, valor 23,1% maior na comparação com 2015, segundo dados da Indústria Brasileira de Árvores (Ibá).

O destaque entre os produtos florestais exportados foram os painéis de madeira, que em janeiro deste ano elevaram as vendas externas em  50,0%. Em volume foram 54 mil m³. No mesmo intervalo, o comércio de celulose cresceu  4,4%, com  959 mil toneladas embarcadas.   Já as exportações de papel atingiram 156 mil toneladas no primeiro mês deste ano, volume 1,3% maior em relação as 154 mil toneladas exportadas no mesmo período.

Os dados do Ibá indicaram, ainda, aumento na produção nacional de celulose. Com  1,6 milhão de toneladas, alta de 9,2% sobre janeiro do ano passado.  A produção de papel totalizou 849 mil toneladas em janeiro de 2016, volume 2,5% menor na comparação com 2015.