Exportações financiadas pelo PROEX cresceram 24% para US$ 8,2 bilhões em 2000

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

Foi divulgado ontem o relatório do Banco Central sobre o Programa de Financiamento às Exportações (PROEX) correspondente ao ano 2000. Segundo esse relatório, as exportações beneficiadas pelo PROEX totalizaram US$ 8,2 bilhões, e foram incrementadas em US$ 1,6 bilhão, em termos absolutos, em relação ao ano de 1999.

Este resultado refletiu a elevação de 97,8% nas operações de financiamento e 22,3% no programa de equalização de taxas de juros. As operações de financiamento diversificaram-se, incorporando 224 novos participantes, em conformidade com a política governamental de inserção de pequenas e médias empresas na base exportadora do país. O total de países importadores, no âmbito do PROEX, foi expandido de 45 para 62, sendo que a América Latina perdeu terreno para os demais, com sua participação reduzida de 75,5% para 30,0%. As exportações financiadas para a África lideraram com 53,5% do total, ante 14,7% em 1999. O Nafta posicionou-se em terceiro lugar com 7,1%. Por atividade econômica, do total de exportações aprovadas, o setor de serviços foi o principal beneficiário (30,1%), seguido por transportes (17,3%) e máquinas e equipamentos (6,7%).
Os desembolsos efetivados para operações de financiamento são conduzidos pelo Banco do Brasil, agente financeiro do Tesouro Nacional para o PROEX.

Compartilhe